Mestrado

Mestrado (Master degree): O mestrado é um diploma universitário de segundo ciclo, concedido por "universidades" ou colégios após a conclusão de um curso de estudo demonstrando maestria ou uma visão geral de alta ordem de um campo específico de estudo ou área de estudo.
Prática profissional
Um mestrado normalmente requer um estudo prévio no nível de bacharel, quer como um grau separado ou como parte de um curso integrado. Dentro da área estudada, os graduados de mestrado devem possuir conhecimentos avançados de um corpo especializado de tópicos teóricos e aplicados; Habilidades de alta ordem em análise, avaliação crítica ou aplicação profissional; E a capacidade de resolver problemas complexos e pensar de forma rigorosa e independente.
Estes graus são geralmente intitulados e sua utilização a forma 'mestre de ...', onde qualquer uma faculdade (tipicamente artes ou ciência) ou um campo (engenharia, física, química, negócio administração, etc.) está especificado. As duas maiorias comum títulos de mestre graus são o mestre de artes (m.a. / a.m) e mestre de ciência (msc / m.s. / s.m.) graus; que normalmente consistir de uma mistura de pesquisa e ensinou material.
Nos estados unidos da américa o departamento de educação classifica o mestrado como pesquisa académica ou profissional. Geralmente tem a duração de 2 anos e possuem em 60 – 120 créditos.
Master's Degree (2 years):
(1) With Thesis or Masteral Reseach Project = 72 ECTS or 36 semester units broken down as follows:
a. Academics = 60 ECTS or 30 semester units
b. Thesis or Research Project = 12 ECTS or 6 semester units
(2) Without Thesis or Without Masteral Research Project = 96 ECTS or 48 semester units
Exige elaboração e apresentação de dissertação para sua conclusão.
As durações dos programas oferecidos estão de acordo conforme estabelecido pela Comissão independente de educação na regra 6E 2004 (4) FAC.
Nossa instituição tem como desejo em preparar profissionais para atuar nas áreas: teológicas, da educação, da administração, da música, das belas artes, da comunicação e serviço social.
Todos os nossos programas são oferecidos conforme a Section 1005.06 (1) (f), FS e de acordo com a Rule 6E-5.001, Fla, Admin. Code.

 

Por que fazer seu mestrado conosco ?

A Emil Brunner World University é a única universidade que coloca sua  ideologia acima dos lucros financeiros. Mais de 80% do nosso corpo docente e composto por doutores. Nosso método de ensino potencializa em ate 80% do aprendizado do aluno pois utiliza-se de técnicas de memorização utilizadas pelos agentes da Cia. Possuímos tecnologia de ponta oriunda da NASA. Nossos diplomas e certificados além de serem obras de arte sao aceitos no Brasil e no exterior.   Matriculando-se em nossos programas educacionais para o desenvolvimento humano você terá:

1. Acesso irrestrito a nossa plataforma digital de aprendizagem

2. Material didático incluso: módulos, e-books, vídeo aulas, documentários e mapas mentais

3. Terá acesso a conhecimentos oriundos do exterior em sua língua materna.

4. Tutoria pedagógica online.

5. Trabalho pedagógicos direcionados

6. Biblioteca virtual de aprendizagem com mais de 8 mil livros.

7. Grupo Vip para nossos alunos no facebook

8. Tecnologia de ponta

9. Relacionamento com outros estudantes

10. Brindes e bônus imperdíveis no decorrer do curso

11. Diploma e histórico Americano em inglês assinado pelo reitor da universidade podendo ser apostilado e notariado conforme a convenção de Haia, estando assim a documentação totalmente legalizada nos países signatários deste tratado.

12. Acesso gratuito aos nossos webinarios

13. Consultoria Completa para os alunos que desejam revalidar seus diplomas no Brasil

 

Nós somos a melhor opção sem duvidas!!!

Porem existem pelo menos 4 opções para quem não estuda conosco:

1. Cursar seu mestrado ou doutorado em uma universidade federal brasileira

Neste caso você deve saber que não ira ter tempo para mais nada em sua vida (na maior parte delas é assim). Ele colocarão aulas de manha, de tarde e de noite. Você antes disso devera ser indicado. Devera ter proficiência linguística. Por causa das greves sucessivas no sistema de ensino brasileiro, um mestrado que dura 24 meses, você ira concluir em 4 anos. Sem contar com a fortuna que ira gastar com livros.

2. Cursar seu mestrado em uma universidade particular brasileira

Neste caso ira desembolsar valores mensais que poderão variar de 1800 a 3500 reais no Brasil dependendo da área. Sem contar com os valores gastos em livros e também com viagens. Ao final você chegara a gastar mais de 80 mil reais neste programa

3. Cursar em uma universidade estrangeira porém viajar para isso

Neste caso você pagara valores mais em conta. Porem devera viajar sempre no período das ferias para estudar no exterior. Isso quer dizer que as passagens estarão um absurdo. O aluno ira precisar viajar pelo menos 4 vezes durante todo o curso. Somente em viagens você devera gastar mais de 50 mil reais. Ainda ficara longe da família. E quando terminar a universidade não ira se preocupar se você ira revalidar seu diploma ou não no pais de origem. 

4. Não fazer nunca

A pessoa protela, protela, pensa, pensa, os anos passam e nunca faz. Tome uma decisão hoje, pois amanha pode ser muito tarde.

Por que somos a melhor opção ?

 

Você conosco poderá estudar na comodidade do seu lar, sem precisar ficar longe da família, sem precisar viajar, comprar livros mais que o necessário. Você terá todo o material didático incluso, sem precisar saber falar inglês ou sequer aprender um novo idioma. Ainda oferecemos para todos os nossos alunos uma consultoria com fins de ajudar os mesmos que desejarem revalidar seus respectivos diplomas no Brasil. 

 

* Campos Obrigatórios

CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO

R$23.609,17
Programa: Mestrado em Ciências da Educação Carga Horária: 1120 Horas Duração: 24 meses Pré-Requisitos: Ser Graduado em quaisquer áreas do saber humano Processo Seletivo: O mesmo tem 6 fases: 1. Avaliação curricular 2. Avaliação Documental 3. Apresentação do Pré- Projeto 4. Entrevista por vídeo conferência 5. Prova do Psicotécnico 6. Prova de Proficiência Linguística (Inglês e Espanhol). Modalidade de Educação: Online á distancia por meio de nossa plataforma digital de aprendizagem. Acesso ao Curso: Após o envio da documentação e pagamento o candidato receberá um login e senha de acesso para acessar o sistema. Linhas de Pesquisa: 1. Educação e EAD 2. Educação e Sociedade 3. Educação e as Políticas Públicas 4. Educação e Tecnologia GRADE DO CURSO: MÉTODO CIENTÍFICO Filosofia da Educação Sociologia da Educação Psicologia da Educação HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Teorias Educacionais EDUCAÇÃO INCLUSIVA Docência no ensino superior PANORAMA DA LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL Psicanálise e educação GESTÃO EDUCACIONAL EDUCAÇÃO E ANTROPOLOGIA EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO Educação e Sociedade EDUCAÇÃO E EAD MARKETING EDUCACIONAL ORIENTAÇÃO DA DISSERTAÇÃO Defesa da Dissertação: Defendida online por meio de vídeo conferência Professores: Doutores e Pós Doutores Investimento: 0 de matrícula (para os primeiros 30 matriculados. Com isso sobra apenas uma vaga) + 30 parcelas de R$ 697,07 + a taxa final administrativa no valor de R$ 2000,00. Entrega do Diploma, Histórico e ata: 90 dias uteis Documentação: contrato assinado, RG, CPF, Título de Eleitor, Comprovante de Residência , certidão de nascimento ou casamento, Pré Projeto do mestrado, Curriculum Vitae, diploma e histórico de Graduação, comprovante de pagamento da primeira mensalidade. Todos os mesmos deverão ser encaminhados digitalizados para o seguinte email: rector@ebwus.com

FILOSOFIA TEOLÓGICA

R$17.000,00
CURSO DE MESTRE EM ARTES FILOSÓFICAS EM TEOLOGIA Público: Curso indicado para líderes religiosos, pessoas interessadas em teologia que queiram se graduar na área de artes. Objetivo: • Promover a formação do teólogo numa ampla reflexão ético-artística; • Proporcionar condições para que os estudantes trabalhem com os conceitos artísticos teológicos utilizando metodologia científica; • Possibilitar o estudo histórico-crítico da fé cristã em diálogo com as demais expressões religiosas e com a cultura humana como um todo; • Formar teólogos preparados para investigar, aprofundar e explanar de maneira sistemática os dados da fé contidos na Revelação, de acordo com a Tradição e o Magistério; • Fomentar o comprometimento com o testemunho de fé e formar teólogos preparados para anunciar os valores do Reino proclamados por Jesus Cristo; • Formar bacharéis capazes de analisar e interpretar os dados da sociedade à luz da fé revelada. O Mestre de Artes em Filosofia Teologia poderá atuar como: • Teólogo, intérprete da realidade à luz da fé; • Ministro ordenado, religioso (a) e leigo (a), enquanto discípulo (a), missionário (a) de Cristo; • Professor universitário, em faculdades, institutos e seminários de teologia (magistério e pesquisa); • Assessor teológico; • Professor de ensino religioso; • No campo eclesiástico, no exercício da Catequese e da Liturgia, das Pastorais Sociais, da Missão e Evangelização, nos seus diversos níveis; • Agente de pastoral, social e cultural, capaz de dar razões da fé cristã, professada pela Igreja. Duração: 36 meses Carga Horária: 2160 horas Forma de ingresso: por meio de avaliação curricular e trabalho direcionado. Grade Curricular: FILOSOFIA GERAL 45h/a Ementa: Principais escolas filosóficas e seus expoentes; Conceito de Filosofia; Filosofia e conhecimento; Filosofia e Teologia; Importância e significado da Filosofia para compreensão do homem e da sociedade. Referências Básicas: CHAUI, Marilena de Souza. Convite a filosofia. 12. ed. São Paulo: Ática, 1999. JANSEY, T. Filosofia e Teologia no século 21. São Paulo: Abba Press, 2004. BROWN, Colin. Filosofia e fé cristã: um esboço histórico desde a Idade Média até o presente. Tradução de Gordon Chown. 2.ed. São Paulo: Vida Nova, 2007. GHIRALDELLI JÚNIOR, Paulo. História da filosofia: dos pré-socráticos a Santo Agostinho. São Paulo: Contexto, 2008. RODRIGUES, Neidson. Filosofia para não filósofos. São Paulo: Cortez, 1998. ARANHA, Maria Lucia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: introdução a filosofia. 2. ed. rev.eatual. São Paulo: Moderna, 1999. PADOVANI, Humberto; CASTAGNOLA, Luis. Historia da filosofia: com o estudo "o problema da historia da filosofia" do prof. Artur Versiani Velloso. 17. ed. São Paulo: Melhoramentos, 1995. SPROUL, R.C. Filosofia para iniciantes. São Paulo: Vida Nova, 2004. FORMAÇÃO ESPIRITUAL DO PASTOR – 45h/a Ementa: Espiritualidade cristã: conceituação, importância e significado. Papel e lugar da disciplina cristã na vida espiritual. Relevância da oração, meditação, vida familiar, estilo de vida e finanças na formação espiritual do Pastor. Referências Básicas: RABELLO, Maria do Carmo. Inteligência espiritual: a nova dimensão para a vida plena. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2008. CLOUD, H.; TOWNSEND, J. A chave do crescimento cristão. São Paulo: Vida, 2003. OMARTIAN, S. O poder da fé em tempos difíceis. São Paulo: Mundo Cristão, 2009. WILKINSON, B. H. Santidade pessoal em tempo de tentação. São Paulo: Mundo Cristão, 2002. BONHOEFFER, D. Discipulado. Rio Grande do Sul: Sinodal, 2004. ARTERBURN, Stephen; STOEKER, Fred; WORKEY, Mike. A batalha de todo homem: um guia para homens sobre como vencer as tentações sexuais. Tradução de Aline Grippe. São Paulo: Mundo Cristão, 2004. TAYLOR, Howard; SILVA, Hope Gordon. O segredo espiritual de Hudson Taylor. São Paulo: Mundo Cristão, 1994. WAGNER, C. Peter; SCARTEZINI, Mario A. Escudo de Oração: Como interceder por pastores, lideres cristãos e outros nas frentes de Batalhas espirituais. São Paulo: Editora Unilit, 1996. METODOLOGIA CIENTÍFICA – 45h/a Ementa: Princípios básicos do método científico e sua adaptabilidade no cotidiano acadêmico e profissional. Diretrizes para elaboração de trabalhos acadêmicos. Diretrizes para a leitura, análise e interpretação de textos. Diretrizes para a realização de seminários. Referências Básicas: ANDRADE, Maria Margarida de. Introdução à metodologia do trabalho científico: elaboração de trabalhos na graduação. São Paulo: Atlas, 2007. BOOTH, Wayne C.; COLOMB, Gregory G.; WILLIAMS, Joseph M. A arte da pesquisa. Tradução Henrique A. Rego Monteiro. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2005. MARTINS, Gilberto de Andrade; THEÓPHILO, Carlos Renato. Metodologia da investigação cientifica para Ciências Sociais Aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007. BASTOS, Cleverson Leite; KELLER, Vicente. Aprendendo a aprender: introdução à metodologia científica. 21.ed. Petrópolis: Vozes, 2008. GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de Pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas S.A., 2002. MEDEIROS, João Bosco. Redação científica: a prática de fichamentos, resumos, resenhas. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2009.. SEVERINO, A.J. Metodologia do trabalho cientifico. 23. ed. São Paulo: Cortez, 2007. SOARES, E. Metodologia cientifica: lógica, epistemologia e normas. São Paulo: Atlas, 2003. PSICOLOGIA GERAL – 45h/a Ementa: Princípios fundamentais da psicologia: A constituição da Psicologia como ciência - características do contexto social, político e científico e seus impactos nesse processo. Fetchner e Wundt: a fundação da Psicologia científica. Os sistemas teóricos que marcaram os primórdios da Psicologia científica: Estruturalismo, Funcionalismo, Behaviorismo, Gestalt e Psicanálise. Formação da personalidade e fatores básicos do comportamento humano. Referências Básicas: WEITEN, Wayne. Introdução à psicologia: temas e variações. Tradução de Zaira G. Botelho et al. São Paulo: Cengage Learning, 2002. BOCK, Ana Mercês Bahia; FURTADO, Odair; TEIXEIRA, Maria de Lourdes T. Psicologias: uma introdução ao estudo de psicologia. 14.ed. São Paulo: Saraiva, 2009. WHITE,Ellen. Mente, Caráter e Personalidade. Tatui-SP: Casa Publicadora Brasileira, 2007. 2 vol. FREIRE, I. R. Raízes da psicologia. Petrópolis: Vozes, 2010. HALL, C. S.; LINDZEY, G.; CAMPBELL, J. B. Teorias da personalidade. 4. ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 2008. MYERS, David G. Introdução à psicologia geral. Tradução de A. B. Pinheiro de Lemos. Rio de Janeiro: LTC Editora, 1999. SOCIOLOGIA GERAL – 45h/a Ementa: Contexto histórico da sociedade; Teorias sociológicas (Comte, Durkheim, Marx, Weber etc.); Positivismo; Cultura; Sociedade; Grupos sociais, culturais. Processos sociais; Instituições. A Sociologia no Brasil. Mudança social. Multirreferencialidade, Pluriculturalidade e Religião. Referências Básicas: BRYM, Robert J. et al. Sociologia: sua bussola para um novo mundo. São Paulo: Cengage Learning, 2009. MARTINS, C. B. O que é sociologia. São Paulo: Brasiliense, 2007. BOTTOMORE, T. B et al. Introdução a sociologia. Rio de Janeiro: LTC, 2010. GOTTWALD, Norman K; ALVAREZ, Anacleto. As tribos de Iahweh: uma sociologia da Religião de Israel liberto 1250-1050 A.C. São Paulo: Paulinas, 1986. FERREIRA, João Cesário Leonel. Novas perspectivas sobre o protestantismo brasileiro. São Paulo: Fonte editorial/Paulinas, 2009. ANTROPOLOGIA BÍBLICO-HISTÓRICA – 45h/a Ementa: História da Antropologia. Contextualização antropológica da Bíblia. Abordagem de temas antropológicos atuais na relação com a Teologia. Atividades práticas de pesquisas antropológicas. Referências Básicas: WÉNIN, André; SAMPAIO, Maurilio D. O homem bíblico: leituras do Primeiro Testamento. São Paulo: Loyola, 2006. HIEBERT, P. G. O. Evangelho e a Diversidade das Culturas: um guia de antropologia missionária. São Paulo: Vida Nova, 2008. VELOSO, M. O homem: pessoa vivente. 2ª ed. São Paulo: Gráfica do Instituto Adventista de Ensino, 1984. WOLFF, Hans Walter. Antropologia do Antigo Testamento. Tradução de Antonio Steffen. 1.ed.rev.atual. São Paulo: Hagnos, 2008. MARCONI, Marina de Andrade; PRESSOTTO, Zélia Maria Neves. Antropologia: uma introdução. 6.ed. São Paulo: Atlas, 2007. FUNDAMENTOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DA MISSÃO – 45h/a Ementa: Teologia e metodologia da Missão; Princípios de missão urbana e técnicas contemporâneas do desenvolvimento da missão em diversos contextos. Referências Básicas: ABDALA, Emilio Geraldo Dutra. Diagnose: avaliando o crescimento da igreja local. Cachoeira: CEPLIB, 2008. BOSCH, David J. Missão Transformadora: mudanças de paradigma na teologia da missão. São Leopoldo – RS: Editora Sinodal, 2007. BAUMGATNER, Erich W. (Ed.) et al. Passaporte para a missão. 2.ed. Brasília: Divisão Sul-americana da IASD, 2011. HESSELGRAVE, David J; REDONDO, Marcio Loureiro. A comunicação transcultural do evangelho: Comunicação, missões e cultura. São Paulo: Vida Nova, 1994. HOFFMANN, Arzemiro. A cidade na missão de Deus: o desafio que a cidade representa para a Bíblia e à missão de Deus. Curitiba: Encontro, 2007. MÚSICA E REGÊNCIA – 30h/a Ementa: Estudo do lugar e importância da música no culto. Princípios que norteiam a escolha da música apropriada para cada cerimônia da igreja e na vida do cristão. Noções de regência musical. Ética e Música. Referências Básicas: WHITE, E. Música: sua Influência na vida do Cristão. Tatuí: CPB, 2004. LEINIG, Clotilde Espínola. A música e a ciência se encontram: um estudo integrado entre a música, a ciência e a musicoterapia. Curitiba: Jurua, 2009. STEFANI, W. H. M. Música Sacra, Cultura e Adoração. São Paulo: UNASPRESS, 2002. OSTERMAN, E. V. O que Deus diz sobre a música? UNASPRESS, 2007. MURADAS, A. Decolando nas asas do louvor. São Paulo: Editora Vida, 1999. BENNETT, Roy. Uma breve história da música. Tradução de Maria Teresa Resende Costa. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1986. PORTUGUÊS INSTRUMENTAL II – 45h/a Ementa: Produção textual escrita e verbal. Tipologia textual; redação, argumentação, coesão; coerência, leitura e articulação. Noções de oratória. Referências Básicas: CAMARA JUNIOR, Joaquim Mattoso. Manual de expressão oral e escrita. 27. ed. Petrópolis: Vozes, 2010. GARCIA, Othon M. Comunicação em prosa moderna: aprenda a escrever, aprendendo a pensar. 24. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2004. VANOYE, F. Usos da Linguagem: problemas e técnicas na produção oral e escrita. 11 ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998. FARERO, L. L. Coesão e coerência textuais. São Paulo: Ática, 1992. KATO, M. O Aprendizado da leitura. São Paulo: Martins Fontes, 1995. MEDEIROS, J. Redação científica: a prática de fichamentos, resumos, resenhas. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2009. PRINCÍPIOS DE HERMENÊUTICA – 45h/a Ementa: Interpretação histórico-cultural, contextual e teológica da Bíblia. Princípios de interpretação do conteúdo do texto bíblico para a prática homilética. Desenvolvimento de atividades de investigação e interpretação bíblica. Referências Básicas: KAISER JR., Walter C. Introdução a hermenêutica bíblica: como ouvir a palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época. 2.ed. São Paulo: Cultura Crista, 2009. LUND, Eric; NELSON, Peter Christopher. Hermenêutica: princípios de interpretação das Sagradas Escrituras. Tradução de Etuvino Adiers. 2. ed.rev. e atual. São Paulo: Vida, 2011. DOCKERY, David S.; HATTNHER, Alvaro. Hermenêutica contemporânea a luz da igreja primitiva. São Paulo: Vida acadêmica, 2005. HASEL, Gerhard F. A interpretação bíblica hoje. Tradução de Carlos Alberto Trezza. Itapecerica da Serra: Salt- IAE, [19--]. SCHLEIERMACHER, Friedrich. Hermenêutica: arte e técnica da interpretação. Tradução de Celso ReniBraida. 3.ed. Petrópolis: Vozes, 2001. TEOLOGIA DA FAMÍLIA – 45h/a Ementa: Abordagem histórico-bíblica do convívio familiar. Família e sociedade. Família e igreja. Atividades de valorização da família e da relação conjugal. Referências Básicas: KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento bíblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. SANTOS, Augusto Cesar Maia. Relacionamento familiar. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, E. G. O lar adventista. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2004. Referências Complementares WHITE, E. G. Fundamentos da educação cristã. SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996. PETRINI, João; CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. WHITE, Ellen Gould. Conduta sexual: testemunhos sobre abuso, homossexualidade, adultério e divorcio. Tradução de Hélio L. Grellmann. 2. ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2011. FUNDAMENTOS E PRÁTICA DA EDUCAÇÃO CRISTÃ – 45h/a Ementa: Contexto histórico-cultural da educação cristã. Principais abordagens teórico-metodológicas da educação cristã e seus expoentes no mundo. A pedagogia de Cristo. Vivências didático-pedagógicas. Referências Básicas: Confederação das Uniões Brasileiras da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Pedagogia Adventista. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2009. WHITE, E. G. Fundamentos da Educação Cristã. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1996. PAZMINO, Robert W. Deus nosso mestre: bases teológicas da educação crista. Tradução de Elizabeth Stoweel Charles Gomes. São Paulo: Cultura Crista, 2006. KNIGHT, G. R. Filosofia e Educação: uma introdução na perspectiva cristã. Engenheiro Coelho: Unaspress, 2010. LEFEVER, M. D. Estilos de aprendizagem: como alcançar cada um que Deus lhe confiou para ensinar. Rio de Janeiro: CPAD, 2005. LITURGIA – 45h/a Ementa: A liturgia nas religiões cristãs e na Bíblia – aspectos teóricos e práticos. Referências Básicas: ALLEN, R. e BORROR, G. Teologia da adoração. São Paulo: Vida Nova, 2002. ALLMEN, J.J. VON. O culto cristão. São Paulo: ASTE, 2006. STEFANI, Wolfgang Hans Martin. Música sacra, cultura e adoração. 3. ed. São Paulo: Imprensa Universitaria Adventista, 2002. SHEDD, R. Adoração bíblica. São Paulo: Vida, 2001. DORNELES, Vanderlei. Cristãos e busca do êxtase: para compreender a nova liturgia e o papel da música na adoração contemporânea. Engenheiro Coelho: UNASPRESS, 2006. PENTATEUCO – 45h/a Ementa: Estudo teológico contextual e histórico dos cincos primeiros livros da Bíblia. Principais temas teológicos do Pentateuco. Exegese de passagem escolhidas. Referências Básicas: LIRA, Fernandes et al. Comentário bíblico Adventista do Sétimo Dia: genesis a deuteronômio. Revisão de Luciana Gruber. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2011. LASOR, W.S. Introdução ao Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 2007. ALEXANDER, T. Desmond; KROKER, Valdemar. Do paraíso a terra prometida: uma introdução aos temas principais do Pentateuco. São Paulo: Shedd Publicações, 2010. FITZMYER, Joseph A.; MURPHY, Roland E.; BROWN, Raymond E. (Ed.). Novo comentário bíblico São Jerônimo: Antigo Testamento. Tradução de Celso Eronides Fernandes; Revisão de Júlio Paulo Tavares Zabatiero. São Paulo: Paulus, 2007. ARCHER, Jr.G.L. Merece confiança o Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 2008. PRÁTICA DO MINISTÉRIO PASTORAL I – 45h/a Ementa: Desenvolvimento de atividades práticas de ministração de estudo da Bíblia individuais e em grupos pequenos. Referências Básicas: KUHN, Wagner. Integrando beneficência social & desenvolvimento na missão de Deus. Tradução de Wagner Kuhn, Ana Maria M. Schaffer. Cachoeira: CEPLIB, 2008. COLLINS, Gary R; SIQUEIRA, Neyd. Ajudando uns aos outros pelo aconselhamento. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 2005. WHITE, E. G. Obreiros evangélicos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1993. LAWRENCE, Bill; PINTO, Tirza. Autoridade pastoral: servindo a Deus, liderando o rebanho. São Paulo: Vida, 2002. MIRANDA, Tomaz Rodriguez; ROSSI, Luiz Alexandre Solano. A direção espiritual: pastoral do acompanhamento espiritual. São Paulo: Paulus, 2007. WHITE, Ellen Gould. Testemunhos para ministros. Tatuí, Casa Publicadora Brasileira. 1993. PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA ECLESIÁSTICA – 30h/a Ementa: As Sagradas Escrituras e a liderança – Visualizando princípios gerais de liderança eclesiástica em seus aspectos teóricos e práticos. Referências Básicas: MAXWELL, John C. As 21 irrefutáveis leis da liderança: Uma receita comprovada para desenvolver o líder que existe em você. Rio de Janeiro: Thomas Nelson Brasil, 2007. PATZER, JERE D. Rumo ao futuro: Como liderar a igreja no século 21, Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004. ALLEN, Malcolm J. Salvação e serviço: O desafio do ministério jovem. 2. ed. Brasília DF: Editora sobretudo, 2004. WILKES, C. Genes. O Último Degrau da Liderança: Descobrindo os Segredos da Liderança de Jesus. São Paulo: Editora Mundo Cristão, 2000. TEMAS EM TEOLOGIA SISTEMÁTICA I – 30h/a Ementa: A Pessoa de Jesus Cristo: principais abordagens na história do cristianismo; Sua natureza divina e humana. Principais abordagens cristológicas nas denominações religiosas. Referências Básicas: CULLMANN, O. Cristologia do Novo Testamento. São Paulo: Líber, 2001. RODOR, Amin A. O incomparável: Jesus Cristo. São Paulo: UNASPRESS, 2011. WOODROW, W. Ellen White e a Humanidade de Cristo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2005. Referências Complementares BERKOUWER, G. C. A Pessoa de Cristo. Rio de Janeiro: JUERP/ASTE, 1983. BAILLIE, Donald M. Deus Estava em Cristo. Rio de Janeiro: JUERP/ASTE, 1983. TEOLOGIA E HISTÓRIA DA IASD – 45h/a Ementa: Esse curso enfoca os principais fatos da história Adventista visando a compreensão do desenvolvimento de sua origem, principais doutrinas e conceito de missão. Referências Básicas: SCHWARZ, Richard W. e Floyd Greenleaf. Portadores de Luz: História da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Engenheiro Coelho, SP: Unaspress, 2009. KNIGHT, George R; SILVA, Jose Barbosa da. A mensagem de 1888. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2003. KNIGHT, George R. Em Busca de Identidade: o desenvolvimento das doutrinas adventistas do sétimo dia. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2005. GREENLEAF, Floyd; NASCIMENTO, Cecília Eller. Terra de esperança: o crescimento da Igreja Adventista na América do Sul. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2011. AXIOLOGIA E ÉTICA – 45h/a Ementa: Fatores determinantes dos processos de desenvolvimento da ética como ciência do comportamento moral dos homens e sociedade. Fundamentos da ética cristã no ministério pastoral. Filosofia e ética. Aspectos históricos e teológicos da ética. A Igreja Adventista do Sétimo Dia e sua ética. Temas éticos contemporâneos. Referências Básicas: MAXWELL, C. Mervyn. História do Adventismo. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1982. OLIVEIRA, Enoch de. A Mão de Deus ao Leme. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1985. ARANHA, Maria Lucia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: introdução a filosofia. 2. ed. rev.eatual. São Paulo: Moderna, 1999. TORRES, Milton Luiz; TORRES, Tania M. L. (Orgs). Ética pastoral. São Paulo: All Print, 2008. KEELING, M. Fundamentos da Ética Cristã. São Paulo: ASTE, 2002. GRENZ, Stanley. A busca da moral: fundamentos da ética cristã. Trad. Almiro Pisetta. São Paulo: Vida, 2006. GEISLER, Norman L.; Ética crista: Opções e questões contemporâneas. Trad. Alexandro Meimaridis, Djair Dias Filho. 2. ed. rev. ampl. São Paulo: Vida Nova, 2010. HOMILÉTICA – 45h/a Ementa: Estruturação, produção e apresentação de sermões. Propósito e tipos de sermões. Vivências da prática homilética. Referências Básicas: REIS, Emilson dos. Como preparar e apresentar sermões. 2 ed. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 2010. PAES, Carlito. Como preparar mensagens para transformar vidas: inclui 50 esboços de mensagens com propósitos. São Paulo: Vida, 2004. ROBINSON, Haddon. W. Pregação bíblica: o desenvolvimento e a entrega de sermões expositivos. São Paulo, Shedd Publicações, 2002. Referências Complementares MORAES, Jilton. Homilética, da pesquisa ao púlpito. São Paulo, Editora Vida, 2001. CRANE, J. D. (James Dreher). Manual para pregadores leigos. 7. ed. -. Rio de Janeiro: JUERP, 1988. LIVROS HISTÓRICOS DO ANTIGO TESTAMENTO – 45h/a Ementa: Estudo teológico dos livros históricos do Antigo Testamento. Aspectos historiográficos e histórico-filosóficos. Abordagem sócio-cultural e teológica da história do povo de Israel. Referências Básicas: ALEXANDER, T. Desmond; KROKER, Valdemar. Do paraíso a terra prometida: uma introdução aos temas principais do Pentateuco. São Paulo: Shedd Publicações, 2010. LASOR, S. W. Introdução ao Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 2003. VAUX, R. Instituições de Israel no Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 2004. ELLISEN, S. A. Conheça melhor o Antigo Testamento. São Paulo: Vida, 2007. RIGHT, J. História de Israel. 7ª ed. São Paulo: Paulus, 2003. LIVROS POÉTICOS DO ANTIGO TESTAMENTO – 45h/a Ementa: Mensagem central dos livros poéticos do Antigo Testamento. Estilo e tipos de poesia hebraica. Hermenêutica de porções de Jó, Provérbios, Cantares de Salomão, Eclesiastes e Salmos. Referências Básicas: SWINDOLL, Charles R. Jó: um homem de tolerância heróica. Tradução de Neid Siqueira. São Paulo: Mundo Cristão, 2004. KIDNER, D. Salmos 1-7: introdução e comentário. São Paulo: Vida Nova, 2004. KIDNER, D. Salmos 72-150: introdução e comentário. São Paulo: Vida Nova, 1984 e 1997. FRANCISCO, C. T. Introdução ao Velho Testamento. Rio de Janeiro: JUERP, 1990. TERRIEN, S. Jó. São Paulo: Paulus, 1994. PRÁTICA DO MINISTÉRIO PASTORAL II – 45h/a Ementa: Liderança de igrejas locais através de organização e condução das reuniões religiosas e administrativas. Referências Básicas: PATZER ,Jere D. Rumo ao futuro: como liderar a igreja no século 21. Tatui, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004. MAXWELL, John C; FERREIRA, Eduardo Perreira e. As 21 irrefutáveis Leis da liderança: Siga-as e as pessoas o seguirao. São Paulo: Mundo Cristão, 2007. COLLINS, Gary R; SIQUEIRA, Neyd. Ajudando uns aos outros pelo aconselhamento. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 2005. Referências Complementares KILINSKI, K. K.; WOFFORD, J. C. Organização na igreja local: São Paulo: Vida Nova, 1991. MOTTA, F. C. Teoria geral da administração: uma introdução. São Paulo: Pioneira, 1993. WILKES, C. Gene; SIQUEIRA, Neyd. O último degrau da liderança: descobrindo os segredos da liderança de Jesus. São Paulo: Mundo Cristão, 2000. PSICOLOGIA PASTORAL – 45h/a Ementa: O estudo do cotidiano profissional do Pastor como conselheiro e orientador espiritual, associado ao saber da Psicologia, da Teologia e da representação social do pastorado Adventistas do Sétimo Dia. Referências Básicas: DE BENI, Michele; BOMMASSAR, Roberta; GROSSELE, Luigi. Psicologia e sociologia: curso introdutório. São Paulo: Paulus, 2004. WHITE, Ellen. Mente, Caráter e Personalidade. Tatui-SP: Casa Publicadora Brasileira, 1989. vol. 1 e 2. COLLINS, Gary R; SIQUEIRA, Neyd. Ajudando uns aos outros pelo aconselhamento. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 2005. ADAMS, Jay E. Conselheiro Capaz. São Paulo: Editora Fiel, 1984. COLLINS, Gary R. Aconselhamento Cristão. São Paulo: Vida Nova, 2004. TEMAS EM TEOLOGIA SISTEMÁTICA II – 30h/a Ementa: Conceituação de soteriologia ao longo da história. Conceitos de justificação pela fé, santificação e glorificação no Antigo e Novo Testamento. Relacionamento entre fé e obras no pensamento de Paulo e Tiago. Referências Básicas: QUESTÕES sobre Doutrina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2009. REID, George W. Tratado de Teologia Adventista do Sétimo Dia. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2011. WHITE, E. G. Caminho a Cristo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1997. LARONDELLE, Hans K. Doutrina da Salvação: Justificação Pela Fé. Brasília, DF: SALT, 1982. TEORIA E PRÁTICA DE DESBRAVADORES – 30h/a Ementa: Teoria e prática do funcionamento do Clube de Desbravadores e Clube de Aventureiros no contexto mundial e local da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Referências Básicas: Divisão Sul Americana da IASD. Nossa Herança. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004. DELAFIELD, D.A. Pela graça de Deus. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004. LEMOS, Francisco e UNGLAUB, Josiel. Aventuras ao ar livre. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2005. FONSECA, Almir A; LIEDKE, Abigail R (Ed.). Desbravador. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1992. CIÊNCIA E RELIGIÃO – 45h/a Ementa: Definição de Ciência e Religião. Ciência e Religião no contexto da história. O Método Científico nas concepções Tradicional, Kuhniana e Popperiana. Virtudes e limitações do Método Científico. O debate sobre as origens. Modelos Criacionistas e Evolucionistas. A Criação e o Dilúvio. Cristianismo e Ciência. Referências Básicas: McGRATH, A. E. Fundamentos do Diálogo Entre a Ciência e Religião. São Paulo: Loyola, 2005. PERCEY, N. R. e THAXTON, C. B. A Alma da Ciência. São Paulo: Cultura Cristã, 2005. ROTH, Ariel A. A ciência descobre Deus: evidências convincentes de que o Criador existe. Tradução de Neumar de Lima, Eunice Scheffel do Prado. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. EVANGELHOS – 45h/a Ementa: Contextualização histórica, cultural, político, social e religiosa dos quatro evangelhos. Aspectos biográficos e temáticos das profecias messiânicas nos evangelhos. Importância e significado da revelação do caráter e personalidade de Jesus Cristo nos evangelhos. Referências Básicas: GUNDRY, Robert H. Panorama do N.T. São Paulo: Vida Nova, 2008. KOESTER, Helmot. Introdução ao N.T. São Paulo: Paulus, 2005. v. 1. FREYNE, Sean; NOBLE, Tim. A Galiléia, Jesus e os evangelhos: enfoques literários e investigações históricas. São Paulo: Loyola, 1996. METODOLOGIA DO CRESCIMENTO DE IGREJA – 45h/a Ementa: A classe oferece um breve estudo sobre a missão da IASD bem como uma análise sobre os fatores que incentivam o crescimento da igreja. Serão abordados os modernos métodos de evangelização e o planejamento e projeção do crescimento de uma congregação. Referências Básicas: ABDALA, Emilio Geraldo Dutra. Manual para evangelistas: estratégias modernas para séries de colheita e plantio de igrejas. Cachoeira: CEPLIB, 2009. ABDALA, Emilio. Diagnose: Avaliando o crescimento da igreja local. Cachoeira, BA: CePLiB, 2008. SOUZA, Elias Brasil de. Teologia e metodologia da missão: palestras apresentadas no VIII simpósio bíblico- teológico sul-americano. 2. ed. Cachoeira: CEPLIB, 2011. MOVIMENTOS RELIGIOSOS CONTEMPORÂNEOS – 45h/a Ementa: Breve introdução ao estudo da origem e desenvolvimento do protestantismo Europeu e do denominacionalismo americano, bem como das ramificações da religião no Brasil. Referências Básicas: SMITH, Huston. As religiões do mundo. São Paulo, SP: Cultrix, 1991. SAMUEL, Albert. As religiões hoje. Tradução de Benôni Lemos. 3. ed. São Paulo: Paulus, 2011. STOTT, John. Batismo e a plenitude do espírito santo. São Paulo, SP: Vida Nova, 2004. BRITO, Azenilton G. O desafio da torre de vigia. Tatuí, SP: CPB, 1992. CHRISTIANINI, Arnaldo B. Radiografia do jeovismo. Tatuí, SP: CPB, 1991. PRÁTICA PASTORAL COMUNITÁRIA – 45h/a Ementa: Fundamentação teórico-metodológica e desenvolvimento de atividades assistenciais e espirituais em comunidades. Planejamento e implementação de atividades pastorais na comunidade. Diretrizes da Igreja Adventista do Sétimo Dia para o atendimento à comunidade. Referências Básicas: WHITE, Ellen Gould. Serviço cristão. 9.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2004. TENÓRIO, Fernando G. et. al. Elaboração de projetos comunitários: uma abordagem prática. Rio de Janeiro: Saraiva, 2008. WHITE, E. G. Beneficência social. Tatuí, São Paulo, Casa Publicadora Brasileira, 2007. ARMANI, Domingos. Como elaborar projetos? Guia prático para a elaboração e gestão de projetos sociais. Porto Alegre: Tomo/AMENCAR, 2002. WHITE, Ellen Gould; WALDVOGEL, Isolina A. Obreiros evangélicos: instruções para todos os que são cooperadores de Deus. 5.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2007. TEMAS EM TEOLOGIA SISTEMÁTICA III – 30h/a Ementa: Principais temas teológicos da atualidade. Doutrinas fundamentais da Bíblia e suas implicações éticas, sociais, e teológicas. Doutrinas básicas da Igreja Adventista do Sétimo Dia e sua relação com outras denominações: pontos convergentes e divergentes e suas implicações no estudo de temas teológicos atuais. Referências Básicas: GRUDEM, Wayne A; YAMAKAMI, Norio et al. Teologia Sistemática: atual e exaustiva. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 2010. OLSON, Roger. História da Teologia Cristã: 2000 anos de tradição e reformas. Tradução de Gordon Chown. São Paulo: Vida, 2001. MCGRATH, Alister E. Teologia sistemática, histórica e filosófica: uma introdução a teologia cristã. Tradução de Marisa K. A. de Siqueira Lopes. São Paulo: Shedd publicações, 2005. CULLMANN, Oscar. Cristologia do Novo Testamento. Tradução de Daniel Costa, Daniel de Oliveira. São Paulo: Hagnos, 2008. COMUNICAÇÃO DE MASSA – 75h/a Ementa: Fundamentação do Evangelismo Público, técnicas e práticas de comunicação em massa. Referências Básicas: ABDALA, Emilio. Manual Para Evangelistas: Estratégias Modernas para Série de Colheita e Plantio de Igrejas. Cachoeira, BA: CEPLIB, 2009. HOHNBERGER, Jim. Homens de poder: o ideal de Deus para a figura masculina. Tradução de Thiago Juliani. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, Ellen Gould. Evangelismo. Tradução de Octavio E Santo, Raphael de Azambuja Butler. 3.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1997. FERREIRA, Otoniel de Lima. 21 dias de poder: preparando a igreja para buscar e salvar o perdido. Feira de Santana: Clínica dos Livros, 2011. RELIGIÃO E SAÚDE – 30h/a Ementa: Abordagem histórico/profética da relação da Mensagem de Saúde com a Terceira Mensagem Angélica e o Desenvolvimento Espiritual. Referências Básicas: WHITE, Ellen G. A ciência do bom viver. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 2004. WHITE, Ellen Gould. Conselhos sobre regime alimentar. Tradução de Isolina A Waldvogel. 12.ed. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 2002. White, E. G. Conselhos sobre Saúde. 3ª. ed. São Paulo: CPB, 1993. WHITE, Ellen G. O desejado de todas as nações. Tradução de Isolina A Waldvogel. 22. ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2004. LEE, Sang. Saúde, novo estilo de vida: a melhor maneira de fortalecer o organismo e livrar-se das doenças. Tatuí: CPB, 1996. TEOLOGIA DA ORIENTAÇÃO PROFÉTICA – 30h/a Ementa: O dom de profecia na Bíblia. Aspectos históricos, contextuais e teológicos do dom profético. Importância e significado do dom profético para a Igreja Adventista do Sétimo Dia. Referências Básicas: ASSOCIACAO MINISTERIAL DA ASSOCIACAO GERAL DOS ADVENTISTAS DO SETIMO DIA (Org.). Nisto cremos: As 28 crenças fundamentais da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Tradução de Helio L Grellmann. 8.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2008. DOUGLASS, E. H. A mensageira do Senhor. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2002. DOUGLAS, Herbert E. Testemunhas oculares: história de pessoas que conheceram Ellen White e creram em seu dom. Tradução de Karina Carnassale Deana. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2008. COON, R.W. Assuntos contemporâneos e orientação profética. São Paulo: Gráfica do Instituto Adventista de Ensino, 1988. WILCOX, Francis M; WALDVOGEL, Isolina A. O Testemunho de Jesus: recordação da obra e ensinos da Sra. Ellen G. White. 4. ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1998. ADMINISTRAÇÃO ECLESIÁSTICA – 45h/a Ementa: Estrutura administrativa da Igreja no Velho e Novo Testamento. Princípios bíblicos de administração eclesial. Estrutura eclesiástica da IASD. Planejamento e execução de atividades administrativas eclesiásticas. Referências Básicas: WARREN, Rick. Uma Igreja com Propósitos. São Paulo, SP: Editora Vida, 1997. HYBELS, Bill. Axiomas. São Paulo, SP: Editora Vida, 2008. PATZER, Jere D. Rumo ao Futuro: Como liderar a igreja no século 21. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2004. CINDY, Tutsch. Liderança Inspirada. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2011. BECKHAM, William A. A segunda reforma: a igreja do Novo Testamento no século XXI. Tradução de Haroldo Janzen. Curitiba: Ministério Igreja em Células, 2007. ATOS E EPÍSTOLAS – 45h/a Ementa: Aspectos históricos e teológicos do livro de Atos dos Apóstolos e das Epístolas Paulinas. Questões relevantes das cartas eclesiásticas e pastorais da teologia paulina. Referências Básicas: BULTMANN, R. Teologia do novo Testamento. São Paulo: Editora Teológica, 2004. MARSHALL, I. H. Atos dos Apóstolos: introdução e comentário. Série Cultura Bíblica. São Paulo: Vida Nova, 1999. WHITE, E, G. Paulo: o apóstolo da fé e da coragem. Campinas: Certeza Editorial, 2004. CARSON, D. A. Introdução ao Novo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 2004. FABRIS, R.; BARBAGLIO, G. As cartas de Paulo – 03 volumes. São Paulo: Edições Loyola, 1992. DOUTRINA DO SANTUÁRIO – 30h/a Ementa: A doutrina do santuário com o seu simbolismo profético e importância para o movimento Adventista. A atividade de Deus e o ministério sacerdotal de Cristo frente à problemática do pecado no mundo. Referências Básicas: TIMM, A. R. O Santuário e as três mensagens angélicas: fatores integrativos no desenvolvimento das doutrinas adventistas, 4ª ed. Engenheiro Coelho: Imprensa Universitária Adventista, 2002. WHITE, Ellen Gould. Cristo em seu santuário. Tradução de Carlos Alberto Trezza. 5. ed. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 1997. SPRECHER, Alvin; BARROS, Marcos Antonio de. Estudo devocional do tabernaculo no deserto: o lugar do seu encontro com Deus. 2. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2002. VINGREN, Gunnar; ANDRADE, Marta Nair Manhaes de. O tabernáculo e suas lições por Gunnar Vingren. Rio de Janeiro: CPAD, 2011. HISTÓRIA ECLESIÁSTICA I – 45h/a Ementa: História da igreja cristã através dos séculos. Fases, características marcantes, personagens e eventos de destaque da igreja cristã. Trajetória do remanescente cristão ao longo dos séculos. Organização, hierarquia e disciplina na igreja cristã; união e separação do poder secular. Referências Básicas: ALVES, J. A. Rodrigues. O juízo investigativo pré-advento: Uma avaliação de seu desenvolvimento histórico no escritos de Uriah Smith, Edward Heppenstall e William H. Shea. Cachoeira, BA: CEPLIB, 2008. HOLBROOK, Frank B. O sacerdócio expiatório de Jesus Cristo. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2002. ALMEIDA, Abraão de. O Tabernáculo e a igreja: entrando com ousadia no santuário de Deus. 15. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2010. HOLBROOK, Frank B (Ed.). A luz de Hebreus: intercessão, expiação e juízo no santuário celestial. 2.ed. Engenheiro Coelho: UNASPRESS, 2009. APOCALIPSE – 45h/a Ementa: Um estudo do Livro do Apocalipse, contexto em que foi escrito, profecias referentes ao fim do tempo; juízo, segunda vinda de Cristo, estabelecimento do Reino de Deus, milênio e nova terra. A pessoa de Cristo no livro de Apocalipse. Análise do contexto histórico-profético desde a era apostólica até o estabelecimento final do Reino de Deus na Terra. Referências Básicas: KISTEMAKER, Simon; MARTINS, Valter. Comentário do Novo Testamento Apocalipse. 1. ed. São Paulo: Editora Cultura Crista, 2004. 784 p. MAXWELL, C. Mervyn. Uma nova era segundo as profecias do Apocalipse. Trad. HelioLuisGrellmann. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2002. 580 pp. LADD, George Eldon; FUCHS, Hans Udo. Apocalipse introdução e comentário. Reimp. São Paulo: Vida Nova, 1982. ANDERSON, R. A. Revelações do Apocalipse. Tradução de: Carlos A. Trezza.Tatuí: São Paulo, Casa Publicadora Brasileira, 1988. FEYERABEND, Henry. Apocalipse: verso por verso como entender os segredos do ultimo livro da Bíblia. Tradução de Delmar F Freire. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2005. EPÍSTOLAS UNIVERSAIS – 45h/a Ementa: Introdução às epístolas de Tiago, Pedro, João e Judas. Referências Básicas: KOESTER, Helmut. Introdução ao Novo Testamento. Tradução de Euclides Luiz Calloni. São Paulo: Paulus, 2005. GABARRÓN, José Cervantes. As cartas de Pedro. São Paulo: Paulinas, 2003. DUNN, James D. G. Unidade e diversidade no novo testamento: um estudo das características dos primórdios do cristianismo. Tradução de José Roberto C. Cardoso. Santo André: Academia Cristã Ltda, 2009. RASI, Humberto M. Comentário bíblico adventista Del séptimo dia. Boise, ID: Publicaciones Interamericanas, 1987. VOUGA, François. A carta de Tiago. Tradução: Marcos Bagno. São Paulo: Loyola, 1996. HISTÓRIA ECLESIÁSTICA II – 45h/a Ementa: História da igreja cristã desde Agostinho. Fases, características marcantes, personagens e eventos de destaque da igreja cristã. Trajetória do remanescente. Organização, hierarquia e disciplina na igreja cristã; união e separação do poder secular. BETTENSON, H; SIMON, Helmuth Alfredo. Documentos da igreja crista. 2. ed. São Paulo: Aste Simpósio, 1998. NICHOLS, Robert Hastings; WANDERLEY, J. Mauricio. História da igreja cristã. 13. ed. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 2008. MENDES, Dejanira. Desenvolvimento da igreja crista. Tradução de Dejanira Mendes. 2. ed. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1969. GONZALEZ, Justo L; FUCHS, Hans Hudo. A era dos altos ideais: e ate aos confins da terra: Uma historia ilustrada do Cristianismo. Reimp. São Paulo: Vida Nova, 1993. HURLBUT, Jesse Lyman. História da igreja cristã. Tradução de João Batista. 1.ed.rev. e atual. São Paulo: Vida, 2007. TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO II – 30h/a Ementa: A redação da monografia. Os elementos pré e pós-textuais. ABNT e normas de apresentação gráfica. Referências Básicas: CRESWELL, John W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativos, quantitativo e misto. Trad. Luciana de Oliveira. Porto Alegre: Artmed, 2007. GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6.ed. São Paulo: Atlas, 2008. CARVALHO, Maria Cecilia Maringoni de. Construindo o saber: metodologia cientifica:fundamentos e tecnicas. Maria Cecilia Maringoni de Carvalho. 19.ed. Campinas: Papirus, 2008. FRANCO, Maria Laura Puglisi Barbosa. Análise de conteúdo. 2.ed. Brasília DF: Liber Livro, 2007. MARTINS, Gilberto de Andrade; THEÓPHILO, Carlos Renato. Metodologia da investigação cientifica para Ciências Sociais Aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007. ARQUEOLOGIA E GEOGRAFIA DO MUNDO BÍBLICO – 45h/a Ementa: Estudo das descobertas arqueológicas acerca do Antigo e Novo Testamento. Contextualização histórica e sócio- cultural do período bíblico. Aspectos metodológicos e cronológicos das descobertas arqueológicas. Referências Básicas: HORSLEY, Richard A; CALLONI, Euclides Luis. Arqueologia, historia e sociedade na Galileia: o contexto social de Jesus e dos Rabis. São Paulo: Paulus, 2000. MAZAR, A. Arqueologia na terra da Bíblia. São Paulo: Paulinas, 2003. PRICE, Randall; VIULA, Sergio; MACEDO, Luis Aron de. Arqueologia bíblica. Rio de Janeiro: CPAD, 2011. ORRUG, G. F. Os manuscritos de Qumran e o Novo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 1993. PACKER, J. I. O mundo do Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 1991. EXEGESE DO ANTIGO TESTAMENTO – 45h/a Ementa: Estudo da história e dos métodos da teologia bíblica e exame dos principais temas teológicos do Antigo Testamento em diálogo com a obra dos principais teólogos do Antigo Testamento. Abordagem do desenvolvimento e interrelacionamento destes temas ao longo do cânon hebraico e suas implicações para relação com o Novo Testamento. Referências Básicas: ZABATIERO, Júlio; VIEIRA, Theófilo. Manual de exegese. São Paulo: Hagnos, 2007. ZUCK, Roy B. A interpretação bíblica: meios de descobrir a verdade da Bíblia. Tradução de Cesar de F. A Vieira. São Paulo: Vida Nova, 1994. LASOR, William Sanford; HUBBARD, David A; BUSH, Frederic W. Introdução ao antigo testamento. Tradução de Lucy Hiromi Kono Yamakami. São Paulo: Vida Nova, 1999. SILVA, Cássio Murilo Dias. Metodologia de Exegese Bíblica. São Paulo: Paulinas, 2000. STUART, Douglas; FREE, Gordon D. Manual de exegese bíblica: Antigo e Novo Testamento. Tradução de Estevan F. Kirschner, Daniel de Oliveira. São Paulo: Vida Nova, 2009. REID, George W (Ed.). Compreendendo as escrituras: uma abordagem adventista. Engenheiro Coelho: UNASPRESS, 2007. EXEGESE DO NOVO TESTAMENTO – 45h/a Ementa: Estudo e aplicação dos procedimentos para a exegese de perícopes selecionadas do Novo Testamento. Elementos de crítica textual, análise gramatical, histórica, e teológica dos diferentes gêneros literários que formam o Novo Testamento. Referências Básicas: BRUCE, F. F; LUZ, Waldyr Carvalho. Merece confiança o Novo Testamento? 3.ed. São Paulo: Vida Nova, 2010. GINGRICH, F. W. e DANKER, F. W. (eds.). Léxico do Novo Testamento Grego-Português. São Paulo: Vida Nova, 1984. DUNN, James D. G. Unidade e diversidade no novo testamento: um estudo das características dos primórdios do cristianismo. Tradução de José Roberto C. Cardoso. Santo André: Academia Cristã Ltda, 2009. CASALEGNO, A. Paulo: o evangelho do amor de Deus. São Paulo: Loyola, 2001. TAYLOR, W. C. Dicionário do Novo Testamento Grego. Rio de Janeiro: JUERP, 1991. FAMÍLIA E SOCIEDADE – 45h/a Ementa: Conceitos de família e suas novas formas de organização na sociedade atual. Família e as mudanças socioculturais, éticas e religiosas. Família como recurso de sustentação e seu papel como núcleo conservador e transformador para a pessoa e a sociedade. Atividades educativas para a família no contexto da igreja. Referências Básicas: KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento biblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. BORGES, Ângela; CASTRO, Mary G. (Orgs.). Família, gênero e gerações. SP: Paulinas, 2007. Referências Complementares PETRINI, João; CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. WHITE, Ellen Gould; TREZZA, Carlos A. Fundamentos do lar cristão: como tornar sua família feliz e bem sucedida. 2 ed. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, Ellen Gould. Orientação da criança. Tradução de Renato Bivar. 9.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2007. ARIES, Philippe; FLASKSMAN, Dora. História social da criança e da família. 2. ed. -. Rio de Janeiro: LTC, c1981. MOREIRA, Lúcia Vaz de Campos; RABINOVICH, Elaine Pedreira. Família e parental idade: olhares da psicologia e da historia. Curitiba: Jurua, 2011. METODOLOGIA DO ENSINO RELIGIOSO – 45h/a Ementa: Abordagem dos fundamentos básicos bíblico-filosófico que norteiam o Ensino Religioso, com propostas alternativas de uma ação metodológica que caracterizam a prática do processo ensino-aprendizagem, determinando o campo de ação nos quais pode ser aplicado. Referências Básicas: SENA, Luzia (Org.). Ensino religioso e formação docente: ciências da religião e ensino religioso em diálogo. São Paulo: Paulinas, 2006. GILZ, Claudino. O livro didático na formação do professor de ensino religioso. Petrópolis: Vozes, c2009. COLEMAN, Lucien E. Como ensinar a Biblia. Rio De Janeiro: Juerp, 1989. GREGORY, John Milton. As sete leis do ensino. Tradução de Waldemar W Wey. 5. ed. Rio de Janeiro: JUERP, 1983. UNGLAUB, E. A Prática da Pedagogia Adventista na Sala de Aula. Engenheiro Coelho, SP: Editora paradigma, 2005. SILVA, Neuza Batista da. Elementos básicos do ensino par cristãos. São Paulo: Cultura Crista, 2006. DOWNS, Perry G. Introdução a educação crista: ensino e crescimento. São Paulo: Cultura Crista, 2001. MINISTÉRIO PASTORAL NO SEC XXI – 45h/a Ementa: Fundamentação teórico-metodológica da atividade pastoral. Fundamentos bíblicos para o ministério. Diretrizes da Igreja Adventista do Sétimo Dia para o pastor e sua ação pastoral. Referências Básicas: MAXWELL, John C; FERREIRA, Eduardo Perreira e. As 21 irrefutáveis Leis da liderança: Siga-as e as pessoas o seguirão. São Paulo: Mundo Cristão, 1999. ABDALA, Emilio Geraldo Dutra. Manual para evangelistas: estratégias modernas para séries de colheita e plantio de igrejas. Cachoeira: CEPLIB, 2009. WHITE, E. G. Testemunhos para ministros: selecionado de testemunhos especiais para ministros e obreiros. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 2008. BARRO, Jorge H. O Pastor urbano: dez desafios práticos para um ministério urbano bem sucedido. 2. ed. Londrina: Descoberta, 2003. LUTZER, Erwin; RIBEIRO, Josué. De pastor para pastor: respostas concretas para os problemas e desafios do ministério. São Paulo: Vida, 2001. PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO – 45h/a Ementa: Conceito, história, principais teorias e princípios básicos da Psicologia do Desenvolvimento Humano. A importância da psicologia do desenvolvimento humano no estudo e prevenção dos distúrbios comportamentais do individuo com destaque na importância dos primeiros anos com o foco da psicanálise. Referências Básicas: BEE, Helen; KIPERMAN, Adriane (Coord.). O ciclo vital. Tradução de Regina Garcez. Porto Alegre: Artmed, 1997. STUART-HAMILTON, Ian. A psicologia do envelhecimento: uma introdução. Tradução de Maria Adriana Veríssimo Veronese. 3.ed. Porto Alegre: Artmed, 2002. ABERASTURY, Arminda; KNOBEL, Mauricio. Adolescência normal: um enfoque psicanalítico. Tradução de Suzana Maria Garagoray Ballve; Colaboração de Adolfo Dornbusch et al; Revisão de Julio Campos. Porto Alegre: Artmed, 1981. Referências Complementares BOCK, Ana Mercês Bahia; FURTADO, Odair; TEIXEIRA, Maria de Lourdes T. Psicologias: uma introdução ao estudo de psicologia. 14.ed. São Paulo: Saraiva, 2009. BIAGGIO, Angela M. Brasil.Psicologia do desenvolvimento. Petrópolis: Vozes, 1996. TÓPICOS EM TEOLOGIA PASTORAL – 45h/a Ementa: Estudos bíblico-teológicos e de métodos e técnicas do ministério pastoral Adventista do Sétimo Dia. Referências Básicas: PAGANI, Cesar Luis. Guia para ministros adventistas do sétimo dia: preparado pela Associação Ministerial da Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia. 6. ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, E. G. Testemunhos para ministros e obreiros evangélicos. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 2008. WHITE, E. G. Evangelismo. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 1997. CEDAR, Paul et al. Autenticidade ou hipocrisia? A integridade e os desafios do ministério. São Paulo: Vida Nova, 2001. KUHN, Wagner. Integrando beneficência social & desenvolvimento na missão de Deus: perspectivas bíblicas, históricas e contemporâneas do evangelho de Cristo. Cachoeira – BA: Centro de Pesquisa de Literatura Bíblica, 2008.

CIÊNCIAS DA RELIGIÃO

R$18.000,00
Mestrado em Ciências da Religião O curso de Mestre em Ciências da Religião da EBWU tem como foco desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão, que possibilite uma leitura e compreensão críticas dos fenômenos religiosos na diversidade cultural, contribuindo para a construção de uma sociedade justa, solidária e livre, que reconheça na alteridade a dignidade de todas as formas e expressões de vida. Ementário MÓDULO 1 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA Carga horária: 60 h/a Ementa: Introdução ao problema, ao objeto e ao método da Psicologia Clínica. Aspectos históricos, epistemológicos e contemporâneos. A constituição do campo, do pensamento e da clínica psicológica. A especificidade da clínica em Psicologia. Discussão das noções de prevenção, cura, tratamento e intervenção. Bibliografia Básica URBINA, S. Fundamentos da testagem psicológica. Porto Alegre: Artmed, 2000. GUZZO,R. S. L. (Orgs.), Avaliação psicológica: perspectiva internacional (p. 133-141). São Paulo: Casa do Psicólogo,1999. FUNDAMENTOS DE FILOSOFIA Carga horária: 60 h/a Ementa: Introdução geral à problemática filosófica. Objeto da Filosofia. Temáticas filosóficas específicas como: ser, conhecimento, práxis, liberdade, homem, mundo. A reflexão filosófica e a relação entre Ciência, verdade e método. Sinopse histórica da Filosofia Ocidental: Filosofia antiga; Filosofia medieval e sua relação com a teologia. Filosofia moderna; Filosofia contemporânea. Problemas filosóficos. Bibliografia Básica CHAUÍ, Marilena. Convite a Filosofia. São Paulo: Ática, 2012. BUZZI, Arcângelo R. Introdução ao Pensar: o ser, o conhecimento, a linguagem. 36. ed. Petrópolis: Vozes, 2012. INTRODUÇÃO ÀS CIÊNCIAS DA RELIGIÃO Carga horária: 45 h/a EMENTA: A religião nas teorias clássicas das ciências sociais. Paradigmas contemporâneos dos estudos sobre o fenômeno religioso. Religião, política e movimentos sociais. Gênero, sexualidade e religião. Bibliografia Básica FILORAMO, Giovanni; PRANDI, Carlo. As ciências das religiões. Trad. de José Maria de Almeida. São Paulo: Paulus, 1999. 295p. GRESCHAT, Hans-Jurgen. O que é Ciência da Religião? São Paulo, Paulinas, 2005. INTRODUÇÃO ÀS CIÊNCIAS SOCIAIS Carga horária: 45 h/a EMENTA: A importância das Ciências Sociais para a Administração. Temas Fundamentais de Sociologia, Ciência Política e Antropologia. Sociologia: Relações com a Administração; Revolução Industrial; Industrialização Brasileira; Sociedade Moderna segundo Pensadores Clássicos (Marx, Weber e Durkheim); Empresas, Estado e Sociedade Civil. Ciência Política: O pensamento sobre Absolutismo e Liberalismo; Consequências do Nacional-Socialismo e Stalinismo; Reflexões sobre Capitalismo. Socialismo. Democracia e Autogestão. Antropologia: Conceitos Fundamentais. Cultura Organizacional e Relações com a Administração. Bibliografia Básica SANTOS, Vania Martins dos. Sociologia da administração. Rio de Janeiro: LTC, 2009. SANTOS, Rafael José dos. Antropologia para quem não vai ser antropólogo. Porto Alegre: Tomo Editorial, 2005. PRODUÇÃO TEXTUAL Carga horária: 45 h/a EMENTA: Leitura e produção de textos. Linguagem. Comunicação. Redação. Narração. Dissertação. Bibliografia Básica ABREU, Antônio Suárez. Curso de redação. 12.ed. São Paulo: Ática, 2004. FÁVERO, Leonor Lopes. Coesão e coerência textuais. 9.ed. São Paulo: Ática, 2000. MÓDULO 2 FILOSOFIA DAS TRADIÇÕES RELIGIOSAS I Carga horária: 60h/a EMENTA: Filosofia e filosofia da religião. História da disciplina. A crítica frediana da religião. A crítica marxista da religião. A essência da religião (sagrado e profano). Mito, doutrina e rito. Religião e existência humana. Bibliografia Básica HICK, J. Filosofia da Religião. Zahar Editores, Rio de Janeiro, 1970. PADOVANI, U.A. Filosofia da Religião. Editora Melhoramentos, São Paulo, 1968 HISTÓRIA DO ENSINO RELIGIOSO Carga horária: 60h/a EMENTA: Organizações religiosas. Lugares sagrados. Textos sagrados orais ou escritos. Símbolos religiosos. Temporalidade Sagrada. Festas religiosas. Ritos. Vida e morte. Bibliografia Básica HINNELS, J. R. Dicionário das Religiões. São Paulo: Cultrix, 1998. MACEDO, C. C. Imagem do Eterno: religiões no Brasil. São Paulo: Moderna, 1989. MARCHON, Benoit, As grandes religiões do mundo. São Paulo, Paulinas, 1995. OFICINA DE FORMAÇÃO DO DOCENTE DE ENSINO RELIGIOSO Carga horária: 60h/a EMENTA: Ensino religioso na atualidade. Formação docente para o ensino religioso. Bibliografia Básica FIGUEIREDO, Anísia de Paulo. Ensino Religioso no Brasil: origem e evolução de uma disciplina entre religião e área de conhecimento. Mimeo: 2003. GRUEN, Wolfgang. Ensino Religioso Escolar. Dicionário de Catequética. São Paulo: Paulus, 2004. ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO Carga horária: 60h/a EMENTA: O trabalho intelectual e a vida universitária. A ciência e outras formas de conhecimento. Tipos de trabalhos acadêmicos científicos. Diretrizes teórico-metodológica para o estudo acadêmico: estratégias de leitura; fichamento; resumo e organização da informação. Etapas de elaboração e aspectos técnicos da redação científica e acadêmica. Normas e critérios de apresentação de trabalhos acadêmicos segundo a ABNT. Bibliografia Básica: MARCONI, Marina de Andrade. Técnicas de Pesquisa. 5 ed. São Paulo, Atlas, 2002. MEDIROS, João Bosco. Redação científica: a prática de fichamento, resumos, resenhas. 4 ed. São Paulo, Atlas, 2000. SOCIOLOGIA DA RELIGIÃO Carga horária: 60h/a EMENTA: Introdução à perspectiva sociológica de abordagem do fenômeno religioso. A religião na constituição das teorias sociais e dos fundamentos da sociologia a partir da visão dos clássicos:, Emile Durkheim e Max Weber e Karl Marx. Teorias contemporâneas da sociologia da religião: a questão da secularização e da plausibilidade das religiões na modernidade conforme Peter Berger e a teoria do campo religioso em Pierre Bourdieu. Bibliografia Básica: DURKHEIM, Emile. As formas elementares da vida religiosa. São Paulo: Paulinas, 1989. WEBER, Max. A ética protestante e o espírito do capitalismo. São Paulo: Pioneira, 1989. MÓDULO 3 EPISTEMOLOGIA E METODOLOGIA DO ENSINO RELIGIOSO Carga horária: 60h/a EMENTA: Capacita os participantes a descobrirem as condições epistemológicas para a elaboração da teologia. Oferece as mediações sócio-analíticas para a construção do conhecimento teológico, bem como seus fundamentos metodológicos. Bibliografia Básica: ALVES, Luís Alberto Sousa; JUNQUEIRA, Sérgio Rogério Azevedo (org.). Educação Religiosa. Construção da identidade do Ensino Religioso e da Pastoral Escolar. Curitiba: Champagnat, 2002 (ISBN 85-7292-076-5) - [Coleção Educação e Religião/ 02], 242 pp. BORTOLETO, Edivaldo José – ALVES, Luiz Alberto Sousa. Ensino Religioso: culturas e tradições religiosas. Curitiba: FONAPER, 2001 [Coleção Cadernos Temáticos/02], 88 pp. FILOSOFIA DAS TRADIÇÕES RELIGIOSAS II Carga horária: 60h/a EMENTA: A questão de Deus na filosofia. O ateísmo hoje. Religião e secularização. A morte de Deus em Nietzsche. Deus e esperança histórica a partir de Erust Bloch. Deus no pensamento de Ludwiz W. A possibilidade de Deus a partir da experiência humana. Bibliografia Básica: HICK, J. Filosofia da Religião. Zahar editores, Rio, 1970 PADOVANI, U.A. Filosofia da Religião. Ed. Melhoramentos, SP, 1968 FUNDAMENTOS HISTÓRICO-FILOSÓFICOS DA EDUCAÇÃO Carga horária: 60h/a EMENTA: Origem, caracterização e desenvolvimento histórico da Filosofia. O sentido do pensamento histórico-filosófico para a formação do Pedagogo. As idéias pedagógicas fundamentais sob a perspectiva das teorias e correntes filosóficas em diferentes contextos: mundial, nacional e local. Bibliografia Básica: SEVERINO, Antonio Joaquim. Filosofia. São Paulo: Cortez, 1994 (Coleção Magistério 2º Grau) VYGOTSKY, L.S. A formação social da mente – 4. ed. – São Paulo: Martins Fontes, 1991. HISTÓRIA DAS RELIGIÕES Carga horária: 60h/a EMENTA: A história das religiões é um tema muito amplo. Esta disciplina pretende refletir sobre a questão da existência de religiões, possibilitar aos estudantes uma introdução às religiões mais significativas da humanidade. Esta introdução poderá abranger diversas religiões, mas serão enfocadas especialmente o Hinduísmo, o Budismo, o Judaísmo, o Cristianismo e o Islamismo. O estudo procurará apresentar o surgimento destas religiões em seu contexto histórico, as principais características destas religiões, suas doutrinas, organizações, bem como o seu desenvolvimento histórico. Bibliografia Básica: DELUMEAU, J. As grandes religiões do mundo. Lisboa: Editorial Presença, 1997. ELIADE, Mircea. História das crenças e das idéias religiosas. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978‐1984, Tomos I a III. PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO Carga horária: 60h/a EMENTA: Conceituação, objetivo de estudo e métodos. A Psicologia da Educação pelo mundo. As contribuições da Psicologia á Educação. As teorias psicológicas: o Behaviorismo, o Interacionismo de Vigotsky e a Psicologia Genética de Jean Piaget. Bibliografia Básica: BOCK, Ana Maria Bahia & outros. Psicologias : uma introdução ao estudo de Psicologia. São Paulo, Editora Saraiva, 1999. GOULART, Íris Barbosa. Psicologia da Educação : fundamentos teóricos e aplicações à prática pedagógica. Petrópolis: Vozes, 1997. MÓDULO 4 ANTROPOLOGIA DA RELIGIÃO Carga Horária - 45 h/a Ementa: Que é antropologia e antropologia teológica. Nossa experiência antropológica. Análise das diferentes antropologias atuais. Visão bíblica do ser humano, no Antigo e no Novo Testamento. Bibliografia Básica: RUBIO, Alfonso García. O humano integrado: abordagens de antropología teológica. Petrópolis: Vozes, 2007. HIGUET, Etienne A. (Org.). Teologia e modernidade. São Paulo: Fonte Editorial, 2005. SEGUNDO, Juan Luis. Que mundo? Que homem? Que Deus? São Paulo: Paulinas, 1995. DIDÁTICA Carga Horária - 45 h/a Ementa: O papel da Didática na formação do educador. Formação e identidade docente. O cotidiano escolar, a ação docente e o projeto político-pedagógico. Tendências pedagógicas da prática escolar. Currículo e conhecimento. A pesquisa como princípio educativo e formativo. O planejamento e a organização do processo ensino-aprendizagem e a avaliação. Bibliografia Básica: ALVES, Nilda, GARCIA, Regina Leite. (orgs.) O sentido da escola. Rio de Janeiro: DP&A, 1999. CANDAU, Vera (org.) Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro, DP&A, 2000. LITERATURA E RELIGIÃO Carga Horária - 45 h/a Ementa: Primeiro, aborda-se uma metodologia específica para o estudo integrado da (s) religião (ões) e da literatura. Tal metodologia recolhe subsídios das várias áreas da ciência da religião, e vale-se também dos múltiplos estudos de literatura e crítica literária, mormente os que contribuam diretamente para os estudos de religião. Segundo, busca-se testar a metodologia em aplicações práticas, por meio de leituras inusuais de obras literárias significativas. Na segunda parte, a disciplina privilegia textos literários modernos e contemporâneos. Bibliografia Básica: MAGALHÃES, Antônio. Teologia e literatura. Cadernos de Pós-Graduação, n. 9. São Paulo: UMESP, 1997. PAIVA, Geraldo. Religião, literatura e psicologia : O conhecimento pela metáfora. (Mimeo, 2°. Seminário “Psicologia e Senso Religioso”.) Belo Horizonte: UFMG, set. 1998. LETRAMENTO E PRÁTICAS LEITORAS Carga Horária - 45 h/a Ementa: Os conceitos de letramento. Concepções teóricas de aquisição e desenvolvimento da linguagem escrita. Produção e apropriação da leitura e da escrita: uma metodologia de alfabetização a partir do texto. Letramento e avaliação na prática pedagógica interdisciplinar. Literatura: formação de crianças leitoras e formas de contar histórias. Bibliografia Básica: KLEIMAN, A. Os significados do Letramento. Campinas: Mercado de Letras, 1999. PSICOLOGIA DA RELIGIÃO Carga Horária - 45 h/a Ementa: O estudo da psicologia da religião pretende investigar o fenômeno religioso a partir de sua motivação, sua percepção e seus efeitos na psique humana, tanto de indivíduos quanto de grupos específicos. Ao invés de tratar de elementos sagrados a partir de sua sacralidade, ela irá estudar as funções psíquicas que tornam possíveis a consideração de algo como sagrado por parte de indivíduos ou grupos sociais. Distinguindo‐se ainda das ciências sociais, a psicologia da religião investigará os fenômenos religiosos grupais a partir de suas condicionantes psicológicas e de seus efeitos sobre a psique dos respectivos indivíduos. Bibliografia Básica: BENKÖ, Antal. Psicologia da religião. São Paulo: Loyola, 1981. DOLTO, F. Psicanálise dos evangelhos. Rio de Janeiro: Imago, 1977. TEOLOGIA DAS TRADIÇÕES RELIGIOSAS I Carga Horária - 45 h/a Ementa: O curso visa estudar o fenômeno religioso das grandes tradições religiosas do extremo Oriente na perspectiva antropológica e cultural. Serão dois eixos de análise: o primeiro, será o geográfico, que pretende contextualizar e situar o nascimento dessas tradições religiosas; o segundo, será uma análise realística do desenvolvimento, os aspectos doutrinais, teologias, e por fim, traçar as comparações do conteúdo de cada tradição a fim de promover o diálogo e também uma convivência harmoniosa entre o Oriente e Ocidente. ECUMENISMO E DIÁLOGO INTER RELIGIOSO Carga Horária - 45 h/a Ementa: Ecumenismo na história das principais denominações religiosas, com ênfase nas religiões cristãs, buscando despertar nos acadêmicos uma consciência cristã autêntica, através da construção do diálogo, da unidade e da paz inter religiosa, tendo como principais fontes a Bíblia, o Magistério e documentos textuais e audiovisuais contemporâneos sobre o tema. Bibliografia Básica: NAVARRO, Juan Bosch. Para compreender o Ecumenismo. São Paulo: Loyola, 1995. KASPER, Walter. Guia para uma espiritualidade ecumênica. São Paulo: Paulinas, 2007. TEXTOS SAGRADOS I Carga Horária - 45 h/a Ementa: É objetivo do curso empreender a leitura crítica de textos e discursos sagrados representativos das diversas tradições religiosas, a partir de uma análise hermenêutica e exegética que contemple o sentido último ou teológico da obra. Poderão ser tratados textos que abordem as mais diversas tradições religiosas e línguas tradicionais. Bibliografia Básica: ARAÚJO, Emanuel. Escrito para a eternidade – A literatura do Egito faraônico. Brasília: UnB, 2000. BARUCQ, A. e outros. Escritos do Oriente Antigo e fontes bíblicas. São Paulo: Paulinas, 1992. MÓDULO 6 ÉTICA E RELIGIÃO Carga horária: 60h/a EMENTA: Introdução à ética normativa e à filosofia moral, modelos teleológicos e de ontológicos. Investigação sobre as virtudes, o bem, a ação moral, a justiça, a felicidade, finalidade, perfeccionismo, conseqüencialismo, bem-estar, utilidade, o dever moral, o imperativo categórico e a motivação para o agir moral. PROJETO DE PESQUISA EM CIÊNCIAS DA RELIGIÃO Carga horária: 60h/a EMENTA: A disciplina Projeto de pesquisa em Ciências da Religião tem como propósito instruir o aluno quanto aos recursos metodológicos formais estabelecidos pelas normas técnicas, mas sobretudo, qualificar o mesmo a pensar metodologicamente o alcance das singularidades dessa área de pesquisa. Bibliografia Básica: CIPRIANI, Roberto. Manual de sociologia da religião. São Paulo: Paulus, 2007. TEXTOS SAGRADOS II Carga horária: 60h/a EMENTA: Discussão sobre projetos e monografias. Livro sagrado. O que caracteriza o livro sagrado. O que torna um livro sagrado. Como surge um livro sagrado. Literatura sagrada oral e escrita. Textos sagrados das grandes tradições religiosas. Panorama e comparações. Religião e literatura sagrada no Egito. Religião e literatura sagrada na Mesopotâmia. Bibliografia Básica: CRAWFORD, Robert. O que é religião? Petrópolis: Vozes, 2005. ELIADE, Mircea. Tratado de história das religiões. São Paulo: Martins Fontes, 2002. HERMENÊUTICA DAS ESCRITURAS SAGRADAS Carga horária: 60h/a EMENTA: Introdução à Hermenêutica Bíblica. História da Interpretação Bíblica. Análise Histórico-Cultural e Contextual. Análise Léxico-Sintática. Análise Teológica. Métodos Literários Especiais e Princípios de Interpretação. Bibliografia Básica: LUND, E. – “Hermenêutica Sagrada”, Editora Vida. 2008. TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO EM CIÊNCIAS DA RELIGIÃO Carga horária: 100h/a EMENTA: Capacitar o aluno e orientá-lo para o desenvolvimento do trabalho de término e conclusão de Curso - TCC. Desenvolvimento da pesquisa e elaboração do TCC. Elaboração de relatório parcial da pesquisa. Bibliografia Básica: GARCIA, Regina Leite (ORG.). Método: pesquisa com o cotidiano. Rio de Janeiro: DP&A, 2003. GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

ARTES TEOLÓGICAS

R$22.000,00
CURSO DE MESTRE DAS ARTES EM TEOLOGIA Público: Curso indicado para líderes religiosos, pessoas interessadas em teologia que queiram se graduar na área de artes. Objetivo: • Promover a formação do teólogo numa ampla reflexão ético-artística; • Proporcionar condições para que os estudantes trabalhem com os conceitos artísticos teológicos utilizando metodologia científica; • Possibilitar o estudo histórico-crítico da fé cristã em diálogo com as demais expressões religiosas e com a cultura humana como um todo; • Aprofundar o estudo da história do Cristianismo e da Igreja, da teologia litúrgica e sua adequada aplicação na celebração da fé; teologia moral e suas conseqüências para uma vivência mais autêntica da fé; teologia espiritual inclusive a sua dimensão mística; teologia pastoral na sua origem, desenvolvimento, diversidade e permanente “aggiornamento”; teologia do direito canônico e sua importância na organização e vida da Igreja; aprofundar a partir da fé o sentido último da existência humana, na dialética imanência-transcendência; • Formar teólogos preparados para investigar, aprofundar e explanar de maneira sistemática os dados da fé contidos na Revelação, de acordo com a Tradição e o Magistério; • Fomentar o comprometimento com o testemunho de fé e formar teólogos preparados para anunciar os valores do Reino proclamados por Jesus Cristo; • Formar bacharéis capazes de analisar e interpretar os dados da sociedade à luz da fé revelada. O Mestre de Artes em Teologia poderá atuar como: • Teólogo, intérprete da realidade à luz da fé; • Ministro ordenado, religioso (a) e leigo (a), enquanto discípulo (a), missionário (a) de Cristo; • Professor universitário, em faculdades, institutos e seminários de teologia (magistério e pesquisa); • Assessor teológico; • Professor de ensino religioso; • No campo eclesiástico, no exercício da Catequese e da Liturgia, das Pastorais Sociais, da Missão e Evangelização, nos seus diversos níveis; • Agente de pastoral, social e cultural, capaz de dar razões da fé cristã, professada pela Igreja. Duração: 36 meses Carga Horária: 2160 horas Forma de ingresso: por meio de avaliação curricular e trabalho direcionado. Grade Curricular: Módulo 1 – Introdução Geral a Bíblia– 45h/a Ementa: Aspectos históricos, geográficos, políticos, sociológicos e teológicos da Bíblia. Processo de formação do texto bíblico. Principais línguas e traduções da Bíblia. Diferentes conceitos de revelação, inspiração e iluminação. Bibliografia básica: GEISLER, N.; NIX, W. Introdução à Bíblia. São Paulo, Vida Nova, 1997. BRUCE, F. F; LUZ, Waldyr Carvalho. Merece confiança o Novo Testamento? 3.ed. São Paulo: Vida Nova, 2010. LASOR, William Sanford; HUBBARD, David A; BUSH, Frederic W. Introdução ao antigo testamento. Tradução de Lucy Hiromi Kono Yamakami. 2. ed. São Paulo: Vida Nova, 2009. CARSON, D. A. et al. Introdução ao Novo Testamento. São Paulo, Vida Nova, 2007. ARCHER, Gleason Leonard; CHOWN, Gordon. Merece confiança o Antigo Testamento?. 3. ed. São Paulo: Vida Nova, 2008. Módulo 2 - Salmos: Nossa Escola de Oração - Carga horária: 60h/a Ementa: O livro de Salmos é a mais importante coletânea de orações e canções da história humana. Acompanha o povo de Israel há séculos e compõe a base da oração cristã. Por isso, nesta disciplina estudaremos a estrutura básica do livro de Salmos, os diferentes tipos de salmos encontrados no livro e sua aplicação em nossa vida devocional. Introdução ao livro de Salmos; Diferentes categorias de Salmos; Como os salmos nos ensinam a orar. Bibliografia básica: GALDEANO, Ana Paula. Salmo 127, versículo 1: ativismo religioso e ordenamentos da segurança em uma periferia de São Paulo. 2014, vol.34. MAFRA, Clara. (2011), A arma da cultura e os universalismos parciais. Mana, 17(3): 607-624. 2011. Módulo 3 - Conhecendo a Deus - Carga horária: 60h/a Ementa: Conhecendo a Deus. Os nomes e atributo de Deus. A Existência de Deus. A Natureza de Deus. A Trindade. A vontade de Deus. Quem é o Homem? A Pessoa de Cristo. A Obra de Cristo. Bibliografia básica: Blackaby, Henry T. e Claude V. King. Conhecendo Deus e Fazendo Sua Vontade. RJ: Junta de Missões Nacionais da CBB, 1998, 238 pp. Laurie, Grag. Apaixonados por Deus. São Paulo: Editora Vida. Lawrence, Irmão e Frank Lauback. A Prática da Presença de Deus. RJ: Danprewan, 2004. Piper, John. A Teologia da Alegria. São Paulo: Editora Vida, Shedd. Tradução: Hans Udo Fuchs. Publicação original: 1996, em português: 2001, 295 pp. Módulo 4 – Antropologia Bíblico-Histórica – 45h/a Ementa: História da Antropologia. Contextualização antropológica da Bíblia. Abordagem de temas antropológicos atuais na relação com a Teologia. Atividades práticas de pesquisas antropológicas. Referências Básicas: WÉNIN, André; SAMPAIO, Maurilio D. O homem bíblico: leituras do Primeiro Testamento. São Paulo: Loyola, 2006. HIEBERT, P. G. O. Evangelho e a Diversidade das Culturas: um guia de antropologia missionária. São Paulo: Vida Nova, 2008. VELOSO, M. O homem: pessoa vivente. 2ª ed. São Paulo: Gráfica do Instituto Adventista de Ensino, 1984. WOLFF, Hans Walter. Antropologia do Antigo Testamento. Tradução de Antonio Steffen. 1.ed.rev.atual. São Paulo: Hagnos, 2008. MARCONI, Marina de Andrade; PRESSOTTO, Zélia Maria Neves. Antropologia: uma introdução. 6.ed. São Paulo: Atlas, 2007. Módulo 5 - Adoração no Antigo Testamento - Carga horária: 60h/a Ementa: Estudo do Antigo Testamento. Frisa a história do povo de Deus, dando atenção especial aos poderosos atos de Deus e às palavras proféticas do Senhor acerca desses atos. Aborda a sequência e o significado das experiências deste povo. Examinando o relacionamento deles com Deus, bem como seus sucessos e fracassos. O estudante descobrirá muitas verdades do Antigo Testamento que o ajudarão a compreender a Bíblia, como andar com Deus, e o serviço que lhe deve prestar. Bibliografia básica: HOUSE, Paul. Teologia do Antigo Testamento. São Paulo: Editora Vida, 2006. ROBERTSON, O. P. O Cristo dos Pactos. São Paulo: Cultura Cristã. SMITH, Ralph L. Teologia do Antigo Testamento. História, Método e Mensagem. São Paulo: Vida Nova, 2001. VAN GRONINGEN, G. O progresso da Revelação no Antigo Testamento. São Paulo: Cultura Cristã, 2006. VAN GRONINGEN, Gerard. Criação e Consumação, 3 vols. São Paulo, Cultura Cristã. VAN GRONINGEN, Gerard. Revelação Messiânica no Antigo Testamento. São Paulo, Cultura Cristã, 2003. Módulo 6 - Teologia Bíblica de Adoração 1 - Carga horária: 60h/a Ementa: Ações de Graças, Louvor e Adoração são muito mais amplos do que música. Eles devem permear toda a vida de um cristão. Esta disciplina tem o objetivo de trazer ao aluno um panorama bíblico sobre como as Escrituras definem uma vida de adoração e de como isso interfere diretamente em nosso relacionamento pessoal com Deus e em nosso culto congregacional. O culto cristão. Ações de Graça. Louvor. Adoração. Bibliografia básica: Amorese, Rubem Martins. Louvor, Adoração e Liturgia. - Editora Ultimato. 2011. Shedd, Russell P. Adoração Bíblica - Editora Vida Nova. 2014. Tessmann, Ramon. O músico segundo o coração de Deus - Editora Folego. 2011. Módulo 7 – Liderança Eclesiática - Carga horária: 60h/a Ementa: É um estudo que expõe os fundamentos bíblicos da liderança. Apresenta ao estudante a teoria e a prática da liderança, orientando-o quanto à aplicação tanto de princípios bíblicos quanto de princípios teóricos. O material é próprio tanto para os líderes leigos experientes como para obreiros, e também para aqueles que desejam treinar outras pessoas no campo da liderança cristã. A ênfase recai principalmente sobre o desenvolvimento de dons e habilidades, e também sobre as relações interpessoais entre os líderes e seus liderados. Bibliografia básica: DORIANI, Dan. O homem segundo o coração de Deus. São Paulo: Cultura Cristã, 2004. LAWRENCE, Bill. Autoridade Pastoral. São Paulo: Cultura Cristã, 2001. MAXWELL, John C. As 21 indispensáveis qualidades de um líder. São Paulo: Mundo Cristão, 2000. Módulo 8 – O Ministério e a Ministração de Louvor - Carga horária: 60h/a Ementa: Função do ministério de louvor no culto. Qualificações de um Ministro de Louvor. Afinal, somos todos levitas? Bibliografia básica: Gympel, Jan. “História da Arquitetura” – Colônia, Alemanha – Könemann – 1996 Iazzeta, Fernando. “Música: Processo e Dinâmica” – São Paulo – Anmablumen – 1993. MacDonald, Fiona. “Uma Catedral Medieval” – São Paulo – Editora Manole – 1991. MacDonald, Fiona. “Um Castelo Medieval” – São Paulo – Editora Manole – 1993. Módulo 9 – TEOLOGIA DA FAMÍLIA – 45h/a Ementa: Abordagem histórico-bíblica do convívio familiar. Família e sociedade. Família e igreja. Atividades de valorização da família e da relação conjugal. Referências Básicas: KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento bíblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. SANTOS, Augusto Cesar Maia. Relacionamento familiar. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, E. G. O lar adventista. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2004. Referências Complementares WHITE, E. G. Fundamentos da educação cristã. SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996. PETRINI, João; WHITE, Ellen Gould. Conduta sexual: testemunhos sobre abuso, homossexualidade, adultério e divorcio. Tradução CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. Módulo 10 – Teologia Bíblica de Adoração 2 - Carga horária: 60h/a Ementa: Este curso visa oferecer umas compreensões claras, daquilo que é adoração cristã dirigida pelo Espírito Santo. Para compreender a adoração, é necessário entender quem é Deus, qual é a sua natureza e porque Ele quer que nós o adoremos. São considerados a necessidade, os valores e os resultados da adoração. Modelos bíblicos da adoração são apresentados como diretrizes para a adoração individual e coletiva. O curso oferece instruções práticas para o dirigente de estudos em grupo, de conformidade com as diretrizes bíblicas. Encoraja também o desenvolvimento e crescimento pessoal na adoração devocional. Bibliografia básica: Amorese, Rubem Martins. Louvor, Adoração e Liturgia. - Editora Ultimato. 2011. Shedd, Russell P. Adoração Bíblica - Editora Vida Nova. 2014. Tessmann, Ramon. O músico segundo o coração de Deus - Editora Folego. 2011. Módulo 11 – Teologia da Família – 45h/a Ementa: Abordagem histórico-bíblica do convívio familiar. Família e sociedade. Família e igreja. Atividades de valorização da família e da relação conjugal. Referências Básicas: KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento bíblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. SANTOS, Augusto Cesar Maia. Relacionamento familiar. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, E. G. O lar adventista. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2004. Referências Complementares WHITE, E. G. Fundamentos da educação cristã. SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996. PETRINI, João; CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. WHITE, Ellen Gould. Conduta sexual: testemunhos sobre abuso, homossexualidade, adultério e divorcio. Tradução de Hélio L. Grellmann. 2. ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2011. Módulo 12 – O Ministério e a Ministração de Louvor 2 – Carga horária: 60h/a Ementa: As preparações necessárias para um ministro de louvor/ O ministro de louvor completo. Seguindo uma direção clara (5 fases da Adoração). Como montar uma lista de louvor. Bibliografia básica: Gympel, Jan. “História da Arquitetura” – Colônia, Alemanha – Könemann – 1996 Iazzeta, Fernando. “Música: Processo e Dinâmica” – São Paulo – Anmablumen – 1993. MacDonald, Fiona. “Uma Catedral Medieval” – São Paulo – Editora Manole – 1991. MacDonald, Fiona. “Um Castelo Medieval” – São Paulo – Editora Manole – 1993. Módulo 13 – Liturgia – 45h/a Ementa: A liturgia nas religiões cristãs e na Bíblia – aspectos teóricos e práticos. Referências Básicas: ALLEN, R. e BORROR, G. Teologia da adoração. São Paulo: Vida Nova, 2002. ALLMEN, J.J. VON. O culto cristão. São Paulo: ASTE, 2006. STEFANI, Wolfgang Hans Martin. Música sacra, cultura e adoração. 3. ed. São Paulo: Imprensa Universitaria Adventista, 2002. SHEDD, R. Adoração bíblica. São Paulo: Vida, 2001. DORNELES, Vanderlei. Cristãos e busca do êxtase: para compreender a nova liturgia e o papel da música na adoração contemporânea. Engenheiro Coelho: UNASPRESS, 2006. Módulo 14 – Aspectos Filosóficos da Adoração - Carga horária: 60h/a Ementa: Adoradores e deuses: a filosofia da queda. A modernidade e a adoração egocêntrica. A contemporaneidade e a fragmentação da adoração. Adoração bíblica: Cristocentrismo e a negação do eu como sustentação da identidade. Bibliografia básica: BUNGE, M. Dicionário de Filosofia. Tradução de Gita K. Guinsburg. São Paulo: Perspectivas, 2002. HICK, John. Filosofia da Religião. Tradução de Therezinha Alvim Cannabrava. Rio de Janeiro: Zahar, 1970. TEMÁTICA BARSA - FILOSOFIA. Rio de Janeiro, Barsa Planeta, 2005. Módulo 15 – História da Música Cristã Contemporânea no Brasil 1 - Carga horária: 60h/a Ementa: Transição da música clássica para a contemporânea/ Pioneiros/VPC. Grupo Elo(Logos) / Asaph Borba. Adhemar de Campos/ Rebanhão. Bibliografia básica: BRANDÃO, Carlos Rodrigues. (2004), "Fronteira da fé alguns sistemas de sentido, crenças e religiões no Brasil de hoje". Revista Estudos Avançados, v. 18, nº 52: 261-288. 2004. PINHEIRO, Márcia Leitão. (2006), Na 'pista' da fé: música, festa e outros encontros culturais entre os evangélicos do Rio de Janeiro. 2006. STEIL, Carlos Alberto. (2001), "Pluralismo, modernidade e tradição transformações do campo religioso". Revista da Associação de Cientistas Sociais do Mercosul, ano 3, nº 3: 115-129. 2001. Módulo 16 – Axiologia e Ética – 45h/a Ementa: Fatores determinantes dos processos de desenvolvimento da ética como ciência do comportamento moral dos homens e sociedade. Fundamentos da ética cristã no ministério pastoral. Filosofia e ética. Aspectos históricos e teológicos da ética. A Igreja Adventista do Sétimo Dia e sua ética. Temas éticos contemporâneos. Referências Básicas: MAXWELL, C. Mervyn. História do Adventismo. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1982. OLIVEIRA, Enoch de. A Mão de Deus ao Leme. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1985. ARANHA, Maria Lucia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: introdução a filosofia. 2. ed. rev.eatual. São Paulo: Moderna, 1999. TORRES, Milton Luiz; TORRES, Tania M. L. (Orgs). Ética pastoral. São Paulo: All Print, 2008. KEELING, M. Fundamentos da Ética Cristã. São Paulo: ASTE, 2002. GRENZ, Stanley. A busca da moral: fundamentos da ética cristã. Trad. Almiro Pisetta. São Paulo: Vida, 2006. GEISLER, Norman L.; Ética crista: Opções e questões contemporâneas. Trad. Alexandro Meimaridis, Djair Dias Filho. 2. ed. rev. ampl. São Paulo: Vida Nova, 2010. Módulo 17 – Ministério Profético na Bíblia e sua relação com a Adoração - Carga Horária: 60h/a Ementa: O Ministério Profético no Velho Testamento. O Ministério Profético no Novo Testamento. A revelação progressiva. O ministério profético no contexto neotestamentario. O ministério profético e a música cristã brasileira Bibliografia básica: GUINNESS, Os. O chamado. São Paulo: Cultura Cristã, CESAR, Kléos Magalhães Lenz. Vocação – Perspectivas Bíblicas e Teológicas. Viçosa (MG): Ultimato, 1999. EDWARDS, Jonathan. A vida de David Brainerd. São Paulo: Fiel, 1993. MURRAY, Iain. O Spurgeon que Foi Esquecido. São Paulo: PES, 2004. SPURGEON, C. H. Chamado para o Ministério. PES. VEITH, JR., G. E. Deus em ação. São Paulo: Cultura Cristã, 2007. Módulo 18 – Comunicação de Massa – 75h/a Ementa: Fundamentação do Evangelismo Público, técnicas e práticas de comunicação em massa. Referências Básicas: ABDALA, Emilio. Manual Para Evangelistas: Estratégias Modernas para Série de Colheita e Plantio de Igrejas. Cachoeira, BA: CEPLIB, 2009. HOHNBERGER, Jim. Homens de poder: o ideal de Deus para a figura masculina. Tradução de Thiago Juliani. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. WHITE, Ellen Gould. Evangelismo. Tradução de Octavio E Santo, Raphael de Azambuja Butler. 3.ed. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 1997. FERREIRA, Otoniel de Lima. 21 dias de poder: preparando a igreja para buscar e salvar o perdido. Feira de Santana: Clínica dos Livros, 2011. Módulo 19 – Liderança e Trabalho em Equipe - Carga horária: 60h/a Ementa: Importância e alcance do trabalho em grupo: Trabalho em equipe na vida ministerial. O trabalho em grupo na Bíblia. A comunicação no trabalho do líder e na equipe de trabalho. Técnicas de trabalho em equipe. Bibliografia básica: DORIANI, Dan. O homem segundo o coração de Deus. São Paulo: Cultura Cristã, 2004. LAWRENCE, Bill. Autoridade Pastoral. São Paulo: Cultura Cristã, 2001. MAXWELL, John C. As 21 indispensáveis qualidades de um líder. São Paulo: Mundo Cristão, 2000.

Psicologia Clínica Integrativa

R$26.000,00
Curso: Mestrado em Psicologia Clínica Integrativa (Ênfase Familiar Cristã) Coordenador: MsC Uanderson P. da Silva Apresentação O Mestrado em Psicologia Integrativa, com Ênfase em Cristã, tem como valor primordial a integralização da diversidade epistemológica e metodológica existente no campo da Psicologia. Oferece uma formação interdisciplinar, permitindo ao aluno compreender as necessárias interfaces da Psicologia com outros campos disciplinares, para uma adequada compreensão do fenômeno humano. Sustentado na configuração de um corpo docente destacado por sua formação teórica interdisciplinares, diversificada, interessado em campos de pesquisas distintos que englobam planos epistemológicos e metodológicos, práticas e/ou campos de investigação/intervenção, valorizando a multireferencialidade teórica, a interface dos campos de intervenção e a interdisciplinaridade múltiplos em psicologia integrativa. Linhas de Pesquisa: O curso apresenta tratamento e prevenção em psicologia clínica que se desdobram em três linhas de pesquisa: I. Família e Interação Social Cristã; II. Análise do Comportamento Familiar e cristão; III. Educação, Educação Cristã, Trabalho e Produção de Subjetividade; IV. Avaliação e Reabilitação Neuropsicológica; V. Psicopatologia Fundamental e Psicanálise VI. Práticas Psicológicas em Instituições; VII. Psicologia Clínica Integrativa Objetivo Geral: O objetivo do Programa de Mestrado em Psicologia Clínica Integrativa, da LOGOS-UNIVERSITY INT., é formar psicólogos clínicos e psiquiatras especialistas em psicoterapia, e que sejam capazes de basear suas ações no Modelo Integrativo e capazes de aplicar clinicamente e de forma pontual a Psicoterapia Integrativa. Selecionar e integrar, de acordo com a demanda, as melhores contribuições desenvolvidas através evolução da psicoterapia através de uma sinergia positiva do modelo integrativo. Objetivos Específicos: - Promover o desenvolvimento das competências necessárias para o exercício da docência em Psicologia no ensino superior; - Preparar profissionais na aplicabilidade e uso na área de Psicologia Clínica com a formação de profissionais de qualidade superior em todo o país capaz de avaliar, diagnosticar, aconselhar ou supervisionar em Psicologia Clínica; – Produzir e divulgar conhecimento científico com relevância social na área específica da Psicologia. Público Alvo: Profissionais Graduados de Psicologia, psiquiatras, Teólogos, Professores, Psicopedagogos e áreas afins para se tornarem pesquisadores em Psicologia Clínica, incentivando o desenvolvimento da pesquisa em Psicologia Clínica Integrativa ou que estejam interessados em buscar qualificação para trabalhar com a Psicologia nos diversos campos. METODOLOGIA Para o melhor aproveitamento dos participantes as disciplinas constantes nos módulos serão conduzidas por meio de aulas expositivas, seminários e tutorias no sistema PBL, nas quais serão abordados aspectos teóricos e práticos, incluindo discussões de estudos de casos, sendo sempre incentivada a participação ativa dos discentes, bem como, a leitura prévia do conteúdo a ser ministrado. O programa do Mestrado - Pós-graduação se baseia em 70% sobre livros de texto publicados e 30% sobre a dissertação do projeto final da especialidade. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO I. Disciplinas CH CREDITS MPI-FC 001. Seminários Introdutórios em Psicologia Familiar Cristã 30 2 MPI-FC 002. Metodologia da Pesquisa Aplicada à Psicologia 45 3 MPI-FC 003. Modelos e técnicas de diagnóstico e de intervenção psicológica 45 3 MPI-FC 004. Gestão e Supervisão de Serviços psicológicos sociais, públicos e consultas clínicas 45 3 MPI-FC 005. Transtornos de ansiedade e transtornos depressivos. 45 3 MPI-FC 006. Psicanalítica Avançada 60 4 MPI-FC 007. Psicologia do Desenvolvimento da Criança e do Adolescente: Psicologia Clínica e transtornos 60 4 MPI-FC 008. Teorias e Estratégicas em Aconselhamento Psicológico e o Modelo Integrativo 45 3 MPI-FC 009. Inglês Instrumental 30 2 MPI-FC 010. Praticas, Entrevistas, Modelos de Intervenção Psicodiagnóstico em Psicologia da Saúde. 45 3 MPI-FC 011. Psicologia sistêmica e Terapia Familiar 45 3 MPI-FC 012. Patologias do século XXI e Aspectos Neuropsicológicos 45 3 MPI-FC 013. Terapia Sexual 45 3 MPI-FC 014. Psicologia do fracasso escolar em crianças e adolescentes 45 3 MPI-FC 015. Psicoterapia breve e psicoterapia de apoio 45 3 MPI-FC 016. Terapia e avaliação cognitiva e comportamental 45 3 MPI-FC 017. Hipnose Clínica Experimental 60 4 MPI-FC 018. Seminários Sobre Dinâmica Familiar Cristã I 30 2 MPI-FC 019. Seminários Sobre Dinâmica Familiar Cristã II 30 2 MPI-FC 020. Interculturalidade 30 2 MPI-FC 021. Didática do Ensino Superior Aplicada à Psicologia 30 2 Total Créditos Disciplinas 900h 60 II. Dissertação MPI-FC 022. Apresentação e Defesa da Dissertação 180h 12 Total Créditos Disciplinas 1080 72 Ementas das Disciplinas MPI-FC 001. Seminários Introdutórios em Psicologia Familiar Cristã Seminário: Introdução a Dinâmicas do Aconselhamento Cristão Fundamentação teórico-metodológica da dinâmica do Aconselhamento Cristão. Fundamentos bíblicos para o ministério de aconselhamento. Aconselhamento noutético. Seminário: Espiritualidade no Século XXI: A espiritualidade do seguimento de Jesus Cristo, levando em conta fatores contextuais atuais de ordem antropológicos, eclesiais e sociais. Caracterização da espiritualidade cristã a partir de elementos da tradição bíblico-cristã e da teologia dogmática e moral, bem como do confronto com as espiritualidades contemporâneas vigentes e o desenvolvimento da espiritualidade cristã, visando possíveis contribuições para a experiência espiritual no atual contexto pós-moderno do século XXI. Seminário: Cuidado Pastoral no Consumo de Substâncias Tóxicas Princípios e técnicas de aconselhamento bíblico e psicossociais para substancias toxicas. Seminário: Inteligência Emocional. Os Cinco Componentes da Inteligência Emocional aplicada no âmbito familiar. Bibliografia Básica: BARRO, Jorge H.O Pastor urbano: dez desafios práticos para um ministério urbano bem sucedido. 2. ed. Londrina: Descoberta, 2003. CENCINI, A. A árvore da vida: proposta de modelo de formação inicial permanente; São Paulo: Paulinas, 2007. GOLEMAN, Daniel. Inteligência Emocional. Objetiva, Rio de Janeiro, 1995. LUTZER, Erwin; RIBEIRO, Josué. De pastor para pastor: respostas concretas para os problemas e desafios do ministério. São Paulo: Vida, 2001. MPI-FC 002. Metodologia da Pesquisa Aplicada à Psicologia Discutir os paradigmas de pesquisa em Psicologia, a partir do exame da ciência moderna e de sua configuração na atualidade. Epistemologia da pesquisa em Psicologia. Elaboração de projeto de pesquisa. Revisão de literatura, formulação do problema de pesquisa e definição de hipóteses. Tipos de pesquisa. A escolha dos métodos. Métodos de natureza quantitativa. Métodos de natureza qualitativa. Preparação e coleta de dados, em cada método de pesquisa. Preparação e comunicação dos resultados da pesquisa. Ética na pesquisa. Bibliografia Básica: CONSTANTINO, E. P. ( Org. ) Percursos da pesquisa qualitativa em Psicologia. São Paulo: Arte & Ciência, 2007, UNESP. CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto.Trad.Magda Lopes, 3 ed. Porto Alegre: Artmed, 2010. Flick, U. (2009). Desenho da pesquisa qualitativa. Porto Alegre: Bookman/Artmed. (coleção pesquisa qualitativa). Flick, U. (2009). Qualidade na pesquisa qualitativa. Porto Alegre: Bookman/Artmed. (coleção pesquisa qualitativa). Kuhn, T. (1998). A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva. Minayo, M. C. S. (2010). O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde.12ed. São Paulo: Hucitec. Minayo, M. C. S., Assis, S. G., & Souza, E. R. (orgs.) (2005). Avaliação por triangulação de métodos: abordagem de programas sociais. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz. MPI-FC 003. Modelos e técnicas de diagnóstico e de intervenção psicológica Processo psicodiagnóstico como tarefa do(a) psicólogo(a) clínico(a) e os passos necessários para sua operacionalização: entrevistas, definição de objetivos, plano de avaliação, bateria de testes, devolução de resultados, elaboração do laudo. Relação teoria e prática dos aspectos que envolvem a técnica de diagnóstico psicológico desenvolvida em instituições da comunidade e supervisionada. Bibliografia Básica EIZIRIK, Cláudio Laks; AGUIAR, Rogério Wolf; SCHESTATSKY, Sidnei Samuel (Org) Psicoterapia de orientação analítica: fundamentos teóricos e clínicos. Porto Alegre: Artmed, 2005. Pasquali, L et al. (2010). Instrumentação Psicológica: Fundamentos e Práticas. São Paulo: Artmed. MPI-FC 004. Gestão e Supervisão de Serviços psicológicos sociais, públicos e consultas clínicas Integração teórico-prática de conhecimentos, habilidades e atitudes para uma prática profissional a ser desenvolvida em contextos e/ou instituições formais ou informais. Operacionalização dessa atividade em instituições da comunidade com gestão e supervisão de serviços psicológicos sociais, públicos e consultas clínicas. Bibliografia Básica EIZIRIK, Cláudio Laks; AGUIAR, Rogério Wolf; SCHESTATSKY, Sidnei Samuel (Org) Psicoterapia de orientação analítica: fundamentos teóricos e clínicos. Porto Alegre: Artmed, 2005. ENÉAS, Maria Leonor Espinosa. Fundamentos da mudança psíquica: recursos para o manejo técnico em psicoterapia breve. Psicologia: Teoria e Prática,v.2, n.1, 75-94, 2000. KUSNETZOFF, Juan Carlos. Psicanálise e psicoterapia breve. Rio de Janeiro: Zahar, 1980. SIMON, Ryad. Psicologia clínica preventiva: novos fundamentos. São Paulo: EPU, 1989 MPI-FC 005. Transtornos de ansiedade e transtornos depressivos. Transtornos de ansiedade, transtornos do humor, transtornos somatoformes e transtornos de personalidade. Transtornos depressivos. Bibliografia Básica APA. DSM-5. Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. 5a Edição. Porto Alegre: Artmed, 2014. BARLOW, D. H. & DURAND, V. M. Psicopatologia. Uma abordagem integrada. Trad. da 4a edição. São Paulo: Cengage Learning, 2008. BERGERET, J. Noção de normalidade. In : BERGERET & col. (2006) Psicopatologia, Teoria e Clínica. 9a edição. Porto Alegre: Artmed, p. 130-131. BERGERET, J. Noção de estrutura. In : BERGERET & col. (2006) Psicopatologia, Teoria e Clínica. 9a edição. Porto Alegre: Artmed, p. 132-135. BUCHER, R. A questão da indicação para psicoterapia. In: BOUCHER, R. (1989). Psicoterapia pela fala. Fundamentos, preincípios, questionamentos. São Paulo: EPU, p. 165-181. KUSNETZOFF. J.-C. Aspectos genéticos. O conceito de causalidade psicopatológica. As séries complementares de Freud. In: Introdução à psicopatologia psicanalítica. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1982. 17-26. MPI-FC 006. Psicanalítica Avançada Tem como proposta básica contribuir para a produção de um saber que se constrói na articulação da teoria e da prática psicanalítica. Apresenta a noção de sintoma. Neurose, perversão e psicose. Padecimentos do corpo. Conceitos da Psicanálise: Inconsciente, Pulsão, Narcisismo, Édipo. Defesas: recalcamento, repúdio e desmentida. Contribuições da escola inglesa, francesa e americana. Aplicabilidade dos conceitos básicos da técnica em psicanálise: aliança terapêutica, transferência e contratransferência, resistência e seus impasses, atuação, insight e elaboração nos diversos momentos do ciclo vital. As diversas modalidades da técnica psicanalítica: a psicoterapia breve, a psicoterapia de apoio e a psicanálise propriamente dita, enfatizando as escolas francesa, inglesa e a psicologia do ego. Tendo como objeto central de investigação o sujeito na cultura, utiliza uma abordagem teórico-clínica referida à Psicanálise em articulação com diferentes campos do saber, tais como a Psicologia Social, a Filosofia e as Ciências Sociais. A partir desta concepção ampliada de clínica e considerando as múltiplas transformações e jogos de poder que atravessam o mundo contemporâneo, torna-se possível pensar as diferentes formas de subjetivação que se processam na atualidade, assim como seus efeitos sobre a clínica atual. Bibliografia Básica ABRAHAM, K. Teoria psicanalítica da libido: sobre o caráter e o desenvolvimento da libido. Rio de Janeiro: Imago, 1970. DOLTO, F. Psicanálise e Pediatria. Rio de Janeiro: Zahar, 1972. LAPLANCHE, J. & Pontalis, J. B. Vocabulário de Psicanálise. São Paulo: Martins Fontes, 1997. LE BOULCH, J. O desenvolvimento psicomotor do nascimento até os 6 anos: a psicocinética na idade pré-escolar. Porto Alegre: Artmed, 2001. MPI-FC 007. Psicologia do Desenvolvimento da Criança e do Adolescente: Psicologia Clínica e transtornos A disciplina apresenta as principais teorias do desenvolvimento biopsicossocial da criança e do adolescente, com ênfase na abordagem psicanalítica. O processo psicodiagnóstico em crianças e adolescentes. Instrumentos e técnicas. Diagnóstico diferencial. Campos de aplicação. Questões éticas. Equipe interdisciplinar e negociação do diagnóstico. Bibliografia Básica BARROS, D. D. Imagem Corporal: a descoberta de si mesmo. História, Ciências, Saúde –Manguinhos, V. 12, n. 2, p. 547-54, 2005. FREUD, S. Conferência XXI: O Desenvolvimento da Libido e as Organizações Sexuais. In S. Freud, Obras psicológicas completas. Rio de Janeiro: Imago, 1916-1917/1974. Trabalho original publicado em 1916-1917. FREUD, S. Conferência XX: A vida Sexual dos Seres Humanos. . In S. Freud, Obras psicológicas completas. Rio de Janeiro: Imago, 1916-1917/1974. Trabalho original publicado em 1916-1917. KAIL, R. V. A Criança. São Paulo: Prentice Hall, 2004. SHAFFER, D. R. Psicologia do desenvolvimento: Infância e adolescência. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005. WINNICOTT, D. W. A Preocupação Materna Primária. In: Da Pediatria à Psicanálise. Rio de Janeiro: Imago, 1956/2000 MPI-FC 008. Teorias e Estratégicas em Aconselhamento Psicológico e o Modelo Integrativo História e os desenvolvimentos atuais na teoria e prática do aconselhamento psicológico. Diferentes perspectivas teóricas do aconselhamento. A teoria e a prática da entrevista no processo de aconselhamento psicológico. Diversos tipos de aconselhamento. O desenvolvimento e os resultados do aconselhamento psicológico. Questões éticas envolvidas na prática do aconselhamento psicológico. Bibliografia Básica MAY, R. A Arte do aconselhamento psicológico. Petrópolis: Vozes, 2001. MORATO, H. (Org.) Aconselhamento psicológico centrado na pessoa. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1999. FORGHIERI, Yolanda Cintrão. Aconselhamento terapêutico: origens, fundamentos e prática. São Paulo: Thomson, 2007. 150 p. MPI-FC 009. Inglês Instrumental Conscientização e transferência de estratégias de leitura em língua materna para leitura em língua inglesa. Desenvolvimento de estratégias de leitura em língua inglesa e noções da estrutura da mesma língua. Aquisição de vocabulário. Bibliografia Básica GAMA, A.N.M. et al. Introdução à Leitura em inglês. 2ed. rev. Rio de Janeiro: Ed. Gama Filho, 2001. MUNHOZ, Rosangela. Inglês Instrumental. Módulos I e II. São Paulo: Texto novo, 2002. SOUSA, Adriana et al. Leitura em Língua Inglesa. São Paulo: Disal, 2005. MPI-FC 010. Praticas, Entrevistas, Modelos de Intervenção Psicodiagnóstico em Psicologia da Saúde. Estudo teórico-prático da entrevista psicológica. Tipos de entrevista nas diversas áreas da Psicologia. Entrevista com crianças, adolescentes, adultos e grupos. Avaliação, investigação e intervenção em Psicologia da Saúde. Bibliografia Básica BLEGER, J. Temas em psicologia: entrevista com grupo. São Paulo: Martins Fontes, 1980. DANA, M. F.; MATOS, M. A. Ensinando a observação: uma introdução. São Paulo: EDICOM, 1998. FAGUNDES, A. J. M. Descrição, definição e registro de comportamento. São Paulo: EDICOM, 1999 PASQUALI, L et al. (). Instrumentação Psicológica: Fundamentos e Práticas. São Paulo: Artmed, 2010 MPI-FC 011. Psicologia sistêmica e Terapia Familiar Caracteriza-se pelo estudo da família sob os enfoques sistêmico, clínicos e socioculturais. A psicoterapia de família e casal é investigada, enfatizando-se a articulação entre as abordagens psicanalíticas e sistêmicas. Procura-se, ainda, investigar aspectos relevantes na constituição da família e do casamento contemporâneo, ressaltando-se os fatores socioculturais. A construção da subjetividade na infância e na adolescência é objeto de estudo a partir da abordagem psicanalítica e de pesquisas sobre a parentalidade, a clínica dos primórdios e a relação entre o sintoma adolescente e o laço social. Bibliografia Básica BERENSTEIN, I. Problemas familiares contemporâneos o situaciones familiares actuales invariância y novedad. in Revista Psicologia USP, volume 13, nº 2, 2002, pp. 15 a 26. CARVALHO, M. C. B. (org). A família contemporânea em debate. São Paulo: Cortez, 1995. OSÓRIO, L.C. ; VALLE, M.E. Terapia de Famílias-Novas Tendências. Porto Alegre: Artmed, 2002. OSÓRIO, L.C. ; VALLE, M.E. Manual de Terapia Familiar. Porto Alegre: Artmed, 2009. SZYMANSKI, H. Cadernos de Ação-Trabalhando com Famílias. São Paulo: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1992. MPI-FC 012. Patologias do século XXI e Neurociência Reconhecimento das tendências atuais de adoecimento psíquico. Perspectivas atuais em relação ao conceito de normal e patológico na Psicologia e na Psiquiatria. Psicopatologias atuais. Dependência química e atuação do psicólogo. Pesquisas em psicopatologia. Sistema Nervoso: classificação, estrutura e funções. Relações entre as áreas cerebrais e funções cognitivas. Neurociência clínica: bases neurológicas de quadros neurológicos e psiquiátricos. Avaliação neurológica. Neuropsicologia: conceitos, histórico e métodos. Avaliação neuropsicológica da atenção, memória, funções e linguagem/ comunicação. Bases da intervenção neurocognitiva. Estudo do diagnóstico psicopedagógico dos processos cognitivo, psicossocial e motor a aprendizagem de crianças. Adolescentes e adultos. Estudo e discussão das ações afirmativas em educação especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Bibliografia Básica FORGHIERI, Y. C. Psicologia fenomenológica: fundamentos, método e pesquisas. Campinas: Pioneira, 2000. OCAMPO, M. L. S.. O Processo psicodiagnóstico e as técnicas projetivas. São Paulo: Martins Fontes, 1981 ZIMERMAN, D. Fundamentos psicanalíticos: teoria, técnica e clínica. Porto Alegre: Artmed, 1999. MPI-FC 013. Terapia Sexual Estudo das contribuições filosóficas e científicas à psicologia da sexualidade humana. Relação sexualidade, gênero e cultura. Psicopatologias da sexualidade. Aspectos éticos do estudo e das abordagens atuais da sexualidade humana. A psicologia e a filosofia da educação sexual. Desenvolvimento psicossexual: infância, adolescência, idade adulta. Educação sexual na família e na escola: metodologia e linguagem. Manifestações da sexualidade e problemas de natureza psicossocial. A evolução da educação sexual. Sexualidade e historicidade. A dimensão social da sexualidade. Pesquisas sobre sexualidade. Bibliografia Básica: NNON, J. S. S.P. TRATAMENTO COMPORTAMENTAL DOS PROBLEMAS SEXUAIS. MANOLE 1980. BIRMAN, J. R.J. SEXUAKLIDADE NA INSTITUICAO ASILAR ACHIAME 1980. SON, F. M. SEXUALIDADE INFANTIL. ROCA. 1984 HISTORIA DA SEXUALIDADE VOL. I GRAAT 1985 GREGERSEN, E. S.P. PRATICAS SEXUAIS. A HISTORIA DA SEXUALIDADE HUMANA ROCA 1983. MPI-FC 014. Psicologia do fracasso escolar em crianças e adolescentes Análise e discussão de teorias, projetos de pesquisa e/ou intervenção na área de psicologia escolar relacionados a interesses de investigação de professores e alunos, voltados para a avaliação no contexto escolar, instrumentos e procedimentos de avaliação do professor, do aluno. Fundamentos históricos da psicometria. Princípios da construção de instrumentos de avaliação psicológica. Contextos de aplicação. Diferenciação entre laudo pericial, parecer, relatório e atestado. Bibliografia Básica ABRAMOWICZ, A.; MOLL, J. Para além do fracasso Escolar. Papirus, Campinas, SP., 1997. CUNHA, M. I. O bom professor e sua prática. 5ª ed., Papirus, Campinas, SP, 1995. COUTINHO, M. T. C. Psicologia da Educação. 5ª ed., Editora Lê, Belo Horizonte, MG, 1997. COLL, C.; PALÁCIOS, J.; MARCHESI, A. Desenvolvimento Psicológico e Educação: Psicologia da Educação (vol 2). Artes Médicas, POA, RS, 1995. VYGOTSKY, L. S. A formação Social da Mente. 5ª ed., Martins Fontes, São Paulo, SP, 1994. WALLON, H. Psicologia e Educação da Infância. Lisboa: Editorial Estampa, 1980. MPI-FC 015. Psicoterapia breve e psicoterapia de apoio Aplicabilidade da psicoterapia breve: contextos, alcances e limites técnicos e éticos. A disciplina define a psicoterapia breve e seu desenvolvimento histórico, e correlaciona conceitos teóricos e técnicos que especificam esta modalidade de atendimento. Bibliografia Básica CALIGOR, Eve; KERNBERG, Otto; CLARKIN, John. Psicoterapia dinâmica das patologias leves de personalidade. Tradução Sandra Maria Mallmann da Rosa. Porto Alegre: Artmed, 2008, 288p. COELHO FILHO, Joaquim Gonçalves. Término em psicoterapia dinâmica breve. In: SEGRE, Carlos David (Org.). Psicoterapia breve. São Paulo: Lemos, 1997. YOSHIDA, Elisa Medici Pizão; ENÉAS, Maria Leonor Espinosa (Org.). Psicoterapias psicodinâmicas breves: propostas atuais. 2ª. ed. Campinas: Alínea, 2007. YOSHIDA, Elisa Medici Pizão. Psicoterapias psicodinâmicas breves e critérios psicodiagnósticos. São Paulo: EPU, 1990. MPI-FC 016. Terapia e avaliação cognitiva e comportamental A disciplina apresenta os princípios teóricos da Análise do Comportamento de filosofia Behaviorista Radical e da Psicologia Cognitiva e suas implicações nas estratégias de intervenções terapêuticas. Bibliografia Básica: ABREU, C. N. GUILHARDI, H. J. Terapia Comportamental e Cognitivo comportamental. São Paulo: Roca, 2004. ARAÚJO, J.R., MEDEIROS, C.A. (2003). Classificação diagnóstica: o que a análise do comportamento tem a dizer? Em H.M. Sadi & N.M.S. Castro (orgs.), Ciência do Comportamento – conhecer e avançar. Santo André: ESETEc. Volume 3. BANACO, R. A. Tendências neo-behavioristas da terapia comportamental: uma análise sobre a relação terapêutica, Anais do I Encontro sobre Psicologia Clínica da Universidade Mackenzie, 1997, 36-43. CHAMATI, A. B. D. & PERGHER, N. K. (2010). Modelagem do Comportamento de Falar a Verdade em Sessões de Terapia. Revista Psicolog. COLOMBINI, F. A. & PERGHER, N. K. (2009). Decisões clínicas na Terapia Analíticocomportamental. Acta Comportamentalia, 17 (2), 235-253. MEYER, S. B. Análise funcional do comportamento. In: Carlos Eduardo Costa; Josiane Cecília Luzia; Heloísa Helena Numes Sant'Anna. (Org.). Primeiros Passos em Análise do Comportamento e Cognição. 1 ed. Santo André: ESETec, 2003, v. p. 75-91. MPI-FC 017. Hipnose Clínica Experimental Proporcionar a compreensão das teorias, dos procedimentos, da investigação e das aplicações clínicas atuais da Hipnose Clínica, bem como ensinar competências práticas nas aplicações Clínicas. Bibliografia Básica: BAUER, Sofia. Manual de Hipnoterapia Ericksoniana. São Paulo: Wak, 2010. COSTA, Ferreira. VINICIUS, Marlus. Manual Brasileiro de Hipnose Clínica. São Paulo: Atheneu, 2000. COSTA, Ferreira. VINICIUS, Marlus. Hipnoterapia no Alcoolismo, Obesidade, Tabagismo. São Paulo: Atheneu, 2011. MARTO, José M. SIMÕES, Mário P. Hipnose Clínica – Teoria, pesquisa e prática. LIDEL, 2013. MPI-FC 018. Seminários Sobre Dinâmica Familiar Cristã I -Genesis e evolução da Família Abordagem histórico-bíblica do convívio familiar. Família e sociedade. Família e igreja. Atividades de valorização da família e da relação conjugal. -Intervenção Terapêutica na Crise Familiar A família como grupo social; Resiliência na família; Família e violência física/simbólica; Origem dos conflitos no casamento – necessidades e obrigações; Choque nas relações de gerações, sexualidade e gênero. Crises e perdas na família. Programas educativos de apoio à família. -Aconselhamento Matrimonial e Familiar A família na Bíblia. Estudo da perspectiva bíblica do matrimônio. Considerações sobre o namoro e noivado cristão. A relação marido e mulher. -Terceira Idade e Família Auto-conceito e papéis na terceira idade. A velhice como estágio do desenvolvimento normal do ser humano. Bibliografia Básica: ARIES, Philippe; FLASKSMAN, Dora. História social da criança e da família. 2. ed. -. Rio de Janeiro: LTC, c1981. DEBERT, G. Envelhecimento e Representação da Velhice, in Ciência Hoje. Vol. 8, n° 44, julho de 1988, 60-68. HADDAD, E. G. de M. A Ideologia da Velhice. São Paulo: Cortez, 1986. KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento bíblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. LASCH, Christopher; TRONCA, Italo; SZMRECSANYI, Lucia. Refúgio num mundo sem coração: a família: santuário ou instituição sitiada?. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1991. Maldonado, Jorge Crises e Perdas na Família:Consolando os que sofrem. Viçosa: Editora Ultimato, 2005. PETRINI, João; CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. RAINEY, Dennis; JUSTINO, Emirson. Ministério com famílias no século XXI: 8 grandes idéias para pastores e lideres. São Paulo: Vida, 2003. SANTOS, Augusto Cesar Maia. Relacionamento familiar. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. MPI-FC 019. Seminários Sobre Dinâmica Familiar Cristã II -Dependência Emocional e Relações Destrutivas Dependência Emocional. Violência e discriminação na família: aspectos bíblicos e atuais. -Aconselhamento no Divórcio Abordagem teológica-prática da questão do divórcio e do novo casamento. -Modelos Familiares no Contexto Latino e no Século XXI Conceitos de família e suas novas formas de organização na América Latina e no século XXI. Família e as mudanças socioculturais, éticas e religiosas. -O Consultório e seus Procedimentos A Relação psicólogo com seu cliente. Aspectos relativos à pratica de atendimento no consultório clínico. Perspectivas ético cristãs. Referências Básicas BARRO, Jorge H.O Pastor urbano: dez desafios práticos para um ministério urbano bem sucedido. 2. ed. Londrina: Descoberta, 2003. LUTZER, Erwin; RIBEIRO, Josué. De pastor para pastor: respostas concretas para os problemas e desafios do ministério. São Paulo: Vida, 2001. KOSTENBERGER, Andreas J. Deus, casamento e família: reconstruindo o fundamento bíblico. Tradução de Susana Klassen. São Paulo: Vida Nova, 2011. SANTOS, Augusto Cesar Maia. Relacionamento familiar. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2010. PETRINI, João; CAVALCANTI, Vanessa R. S. Família, sociedade e subjetividade. Petrópolis: Vozes, 2005. RAINEY, Dennis; JUSTINO, Emirson. Ministério com famílias no século XXI: 8 grandes idéias para pastores e lideres. São Paulo: Vida, 2003. MPI-FC 020. Interculturalidade A interação social como processo constitutivo do desenvolvimento humano. Correlatos biológicos em articulação com contextos histórico-culturais que circunscrevem o comportamento humano. Destaca a relação dos temas para os problemas práticos num mundo e ministérios cada vez mais multiculturais. Globalização e sociedades multiculturais. Conceitos de cultura, identidade e diferença. Multiculturalismo: gênese e principais tendências. Igualdade e diferença; universalismo e relativismo. Questões e tensões no cotidiano: gênero, raça, orientação sexual e religião. Educação multicultural. A perspectiva da educação intercultural. Currículo e interculturalidade. A escola como espaço de encontro intercultural. Estratégias pedagógicas e perspectiva intercultural. Bibliografia Básica ANDRADE, Marcelo (org.). A diferença que desafia a escola: a prática pedagógica e a perspectiva intercultural; Rio de Janeiro: Quartet, 2009. CANDAU, V. M. (Org.). Educação intercultural e cotidiano escolar; Rio de Janeiro: 7 Letras, 2006. GONÇALVES, Luiz Alberto Oliveira; SILVA, Petronilha Beatriz. O Jogo das diferenças: o multiculturalismo e seus contextos; Belo Horizonte: Autêntica, 1998. MPI-FC 021. Didática do Ensino Superior Aplicada à Psicologia Didática do Ensino Superior: perspectivas e desafios no atual contexto sócio-econômicopolítico mundial e brasileiro: as questões postas pela atual reforma da educação superior. Modelos de Planejamento Pedagógicos, Métodos e Procedimentos Pedagógicos, Parâmetros Curriculares. Investigação-ação. Análise de livros, Apostilas e Métodos Educacionais, Conteúdos Programáticos, Mídias Eletrônicas de Comunicação e Informatização do Conhecimento. Bibliografia Básica ANASTASIOU, L; ALVES, L. (orgs.). Processos de ensinagem na universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho docente em aula. 6 ed. Joinville: Univille, 2006. BEHRENS, M. A. Docência Universitária na sociedade do conhecimento. Coleção educação, teoria e prática, Vol. 3. Curitiba: Champagnat, 2003. _______. O paradigma emergente e a prática pedagógica. Curitiba: Champagnat, 1999. MASETTO, M.T. Competência pedagógica do professor universitário. São Paulo: Summus Editorial, 2003a. MPI-FC 022. Apresentação e Defesa da Dissertação Trata-se da disciplina em que o estudante de mestrado deverá se inscrever para receber a orientação necessária para a elaboração de sua dissertação de mestrado, orientação esta que abrange a supervisão da pesquisa, da organização do material e da redação da dissertação. Orientação sobre os projetos e apresentação em forma de seminário. A bibliografia da disciplina será a necessária para a elaboração da dissertação. Bibliografia Básica A bibliografia variará de acordo com o tema da dissertação. Critérios de seleção: 1. Ter diploma de bacharel 2. Preencher a Carta Proposta 3. Enviar Currículo Atualizado 4. Escolha a linha de pesquisa 5. Produzir o Pré-Projeto Duração: 2 anos 72 Créditos Conclusão de Documentos e Apostila de Haia: 1. Certificado 2. Relatório abrangente (histórico) 2. Notário Público 3. Apostila 4. Lista de Disciplinas (Ementário) Para se candidatar, envie um e-mail para: info@logos-university.org Sistema de avaliação: Nosso sistema de Avaliação é dedicado a medir o potencial de cada um de acordo com o método PBL. Desta forma, nosso sistema de pontuação é conceitual. Há um trabalho colaborativo dentro da mesma classe, onde o aluno que se dedica a orientar um colega tem um conceito melhor. Sistema de avaliação: A = 4,00 B = 3,00 C = 2,00 D = 1,00 F = 0,00

CIÊNCIAS MITOLÓGICAS

R$26.100,00
Programa: Mestrado em Ciências Mitológicas Universidade: EBWU – Emil Brunner World University Pequena Descrição do programa: No mestrado em Ciências Mitológicas você poderá se sentir na pele de Langdon, o mitologista de código da Vince. Neste programa Educacional para o desenvolvimento Humano você poderá aprender todas as devidas competências para exercer os conhecimentos de mitologia aprendidos. Você com isso poderá ampliar o seu curriculum, ampliará suas possibilidades de trabalho, Ampliará seu conhecimentos e irá adquirir conhecimentos que são inéditos no Brasil. Você não precisará viajar para os Estados Unidos nem gastar quantias exorbitantes de dinheiro com mensalidades e materiais didáticos. Este é um programa único para Brasileiros, Sem igual no mercado. Duração: 24 meses Aproveitamento de Competências: Aproveitamento das disciplinas de pós graduação lato sensu (dependerá das disciplinas cursadas e da carga horária). Público: Para brasileiros que desejam tornar-se mestres em ciências mitológicas. Para graduados em quaisquer áreas do saber humano Modalidade de Ensino: 100% Online á distância. Defesa da dissertação por meio de vídeo conferência. Acesso ao material de estudos em nossa plataforma digital de aprendizagem. O processo seletivo é composto de cinco fases que são as que seguem abaixo: 1. Avaliação Curricular 2. Avaliação Documental 3. Psicotécnico por vídeo conferència 4. Entrevista por Video Conferência 5. Apresentação do Pré-Projeto Número de Vagas: 40 vagas Corpo Docente: Professores doutores nativos Brasileiros fluentes em espanhol. Metodologia de Ensino: Metodologia pbl. Diplomação: Emitida pela EBWU assinada por seu reitor conforme estabelecido pela Comissão independente de educação na regra 6E 2004 (4) FAC. A autorização dos seus cursos estão de acordo com a Section 1005.06 () (f), FS e de acordo com a Rule 6E-5.001, Fla, Admin. Code. Valido conforme a convenção de Haia de 1961 eliminando qualquer obrigação de ser revalidado no pais do estudante sendo uma titulação acadêmica autentica. Disciplinas Introdução a mitologia Mitologia Romana Mitologia Celta Mitologia Judaica Mitologia babilônica Mitologia Vinking Mitologia Chinesa Mitologia Japonesa Lendas e Folclores Mitologia Grega Mitologia Cristã Hermenêutica Manuscritologia Arqueologia e mitologia Simbolismo mitológico Metodologia Cientifica Orientação para a Dissertação Defesa da Dissertação CARGA HORÁRIA: 1260 Incluso: Bônus imperdíveis + Material didático totalmente incluso sem nenhum custo adicional totalmente em português + acesso irrestrito a nossa Plataforma digital de aprendizagem interativa inteligente + Técnicas de memorização usadas pelos agentes da CIA + Leitura dinâmica para a aceleração de estudos + Tutoria e mentoria online + Orientação da dissertação inclusa + Vídeos em alta resolução com técnicas cinematográficas usadas por Hollywood + Avaliação por meio de trabalhos direcionados +Surpresas durante o período de todo o curso. Investimento: Matricula de R$ 800,00 + 30 parcelas de R$ 750 reais + Taxa Final Administrativa de R$ 2000,00 + 200 dólares de apostilamento sem reajustes.

MESTRADO EM GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA

R$25.800,00
Programa: MESTRADO EM GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA Carga Horária: 1120 Horas Duração: 24 meses Pré-Requisitos: Ser Graduado em quaisquer áreas do saber humano Processo Seletivo: O mesmo tem 6 fases: 1. Avaliação curricular 2. Avaliação Documental 3. Apresentação do Pré- Projeto 4. Entrevista por vídeo conferência 5. Prova do Psicotécnico 6. Prova de Proficiência Linguística (Inglês e Espanhol). Modalidade de Educação: Online á distancia por meio de nossa plataforma digital de aprendizagem. Acesso ao Curso: Após o envio da documentação e pagamento o candidato receberá um login e senha de acesso para acessar o sistema. Linhas de Pesquisa: 1. GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA E SOCIEDADE 2. GESTÃO DA SAÚDE E POLÍTICAS PÚBLICAS ORIENTAÇÃO DA DISSERTAÇÃO Defesa da Dissertação: Defendida online por meio de vídeo conferência Professores: Doutores e Pós Doutores Investimento: 0 de matrícula (para os primeiros 30 matriculados. Com isso sobra apenas uma vaga) + 30 parcelas de R$ 697,07 + a taxa final administrativa no valor de R$ 2000,00. Entrega do Diploma, Histórico e ata: 90 dias uteis Documentação: contrato assinado, RG, CPF, Título de Eleitor, Comprovante de Residência , certidão de nascimento ou casamento, Pré Projeto do mestrado, Curriculum Vitae, diploma e histórico de Graduação, comprovante de pagamento da primeira mensalidade. Todos os mesmos deverão ser encaminhados digitalizados para o seguinte email: rector@ebwus.com

Mestrado em Gestão Pública e Políticas Penitenciárias

R$30.000,00
Apresentação: A criação de um Programa de Pós-Graduação: Mestrado e Doutorado em Gestão Pública e Políticas Penitenciárias torna-se um desafio teórico-metodológico de reflexão sobre diferentes aspectos complexos que implicam no confronto e na superação dos problemas disciplinares convencionais, envolvendo dicotomias conceituais como: público e privado; legalidade e legitimidade; individual e coletivo; agência e estrutura, direitos humanos e convívio social. A interdisciplinaridade desta proposta tem como ponto de partida a identificação de um fenômeno amplo e comum a diferentes abordagens disciplinares das Ciências Humanas: a tensão entre o sistema penitenciário, suas necessidades e os projetos atuais para essa contribuição junto a esferas pública e privadas. Pretende-se com esta proposta promover uma interação, um debate mais amplo sobre esse fenômeno. Considera-se assim a necessidade de identificar as interfaces e os gargalos teórico-metodológicos presentes nas diferentes abordagens teóricas aqui contempladas (Filosofia Política; temas avançados de administração Pública; Ciência Política; utilização da educação em rede, teorias organizacionais, iniciação científica... O Mestrado e Doutorado em GESTÃO PÚBLICA E POLÍTICAS PENITENCIÁRIAS (MGPPP)tem como missão o desenvolvimento profissional de servidores públicos dos três Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário), nas três esferas de gestão (Federal, Estadual e Municipal), promovendo espaços para o aprofundamento de estudo, a pesquisa e a com foco ao contínuo e permanente processo de modernização do Estado bem como a Formação Continuada dos trabalhadores e a inclusão da oferta via a atual ferramenta metodológica da Educação em Rede. Objetivos • estimular a gestão intelectual, atuando nas áreas do conhecimento, das competências e das habilidades de forma a oportunizar continuidade no plano de carreira e requalificação profissional; • contribuir com a inclusão acadêmica aos interessados no contínuo processo de aprendizagem; • oportunizar a valorização do servidor público para a boa consecução das políticas públicas, oferecendo à sociedade serviços públicos de qualidade. Área de Concentração A área de concentração do programa oferece aos mestrandos e doutorandos uma formação orientada para a compreensão e o domínio fundamental do complexo universo da formulação das políticas públicas federais e estaduais junto ao sistema carcerário, compreendendo os processos alternativos, o desenho institucional e a gestão. Todas essas dimensões são contempladas pelas linhas de pesquisa desenvolvidas pelos docentes do programa. A área de concentração MMPPP, visa desenvolver a capacitação e as competências específicas de uma gestão cujo cotidiano é a mudança. Nesse contexto, a área de concentração está estruturada em duas linhas de pesquisa que focalizam as principais competências empresariais exigidas para uma gestão profissional por excelência. Linhas de Pesquisa: O programa está estruturado em duas linhas de pesquisa interdependentes e que refletem a qualificação acadêmica do corpo docente: 1) Tecnologias Gerenciais: Esta linha de pesquisa se volta ao estudo do comportamento das unidades prisionais e dos fatores institucionais e tecnológicos que as influenciam e condicionam. Assim, essa linha tem como fundamento a interação teórico-metodológica entre os campos de conhecimento para entender as institucionalidades e sua atual logística carcerária. Definir mecanismos de intervenção, que contribuam na gestão pública do sistema carcerário e demais ferramentas tecnológicas que possam agilizar e melhorar a atual estrutura carcerária. Nesse sentido, não é apenas a lógica econômica a determinar o sentido da política pública, mas também os processos jurídico-institucionais construídos (ou omitidos) pela sociedade ao longo da sua história e a dinâmica de interação dos grupos e interesses políticos. Esta linha trata dos temas centrais a compor essa visão: sociologia dos direitos fundamentais, sociologia política, instituições, tecnologia, planejamento urbano 2) Organizações Privilegia uma abordagem macro doa atuais modelos institucionais no sistema penitenciário, dos conflitos entre classes e grupos denominados ¨facções¨ dentro do sistema carcerário, das ações e intervenções públicas do Estado. A linha de pesquisa oferece o delineamento das oportunidades e restrições ao planejamento e desenvolvimento nacional, fundamentadas no papel das instituições nacionais envolvidas. Estuda, também, as políticas macroeconômicas e sua relação com o desenvolvimento econômico, avaliando-as do ponto de vista do contexto político e das estruturas de poder que as forjam além de seus impactos sobre o crescimento do emprego, da renda e de sua distribuição. Essa linha de pesquisa espera promover, no conjunto do curso, a formação de profissionais críticos e capazes de discernir, no emaranhado da vida pública, os problemas sociais subjacentes aos conflitos de interesses assim como as limitações inerentes à intervenção do Estado. Traz como temas centrais: temas avançados na administração, argumentação e retórica, ação supervisora e metodologia de pesquisa além da visão humanística e contribuição da teologia junto à população carcerária. Público Alvo do Programa: O Programa direciona-se, principalmente, a quatro categorias de possíveis interessados: 1. Aos profissionais da administração pública direta e indireta que tenham como objetivo atualizar e aprimorar seus conhecimentos conceituais e instrumentais acerca da análise da política pública penitenciária. 2. Aos profissionais do setor privado que, em suas atividades, relacionem-se amplamente com o setor público, tais como os profissionais de setores regulados ou de infraestrutura. Também aqueles que procuram a universidade para compreender melhor os processos dinâmicos da organização socioeconômica em que o Estado atua. 3. Aos docentes e pesquisadores de instituições públicas ou privadas de ensino que queiram desenvolver projetos de pesquisa relacionados ao objeto do curso. 4. Aos alunos provenientes das áreas de Sociais Aplicadas, Humanas, Jurídicas e Tecnológicas que tenham como objetivo desenvolver habilidades de pesquisa interdisciplinar. Competências e habilidades a desenvolver: O Programa objetiva desenvolver em seus mestrandos competências e habilidades para: I. Comprovar e aproveitar os conhecimentos da vivência profissional para por meio de exame de avaliação acadêmica; II. Ter iniciativa, criatividade, determinação e abertura ao aprendizado permanente junto a educação em rede; III. Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com métodos qualitativos na análise de processos em gestão, sociais, políticos e administrativos; IV. Aplicar os conhecimentos seguindo as implicações éticas do exercício da gestão. Estrutura Curricular DISCIPLINAS FORMAÇÃO BÁSICA/ Obrigatórias DISCIPLINAS INSTRUMENTAIS Metodologia de Pesquisa Teorias Organizacionais Métodos Qualitativos Sociologia dos Direitos Fundamentais Argumentação e Retórica Estado, Sociedade e Políticas Públicas Qualidade de Vida na Sociedade e no Trabalho Desenvolvimento e interdisciplinaridade DISCIPLINAS DA LINHA DE PESQUISA ORGANIZAÇÕES DISCIPLINAS DA LINHA DE PESQUISA TECNOLOGIAS GERENCIAIS Marketing Estratégias Empresariais Gestão de Pessoas Gestão da Informação Gestão de Operações e Logística Gestão da Inovação DISCIPLINAS ELETIVAS ORIENTAÇÃO Métodos de Apoio à Decisão Comportamento do Consumidor Gestão Pública Empreendedorismo e Inovação. Educação Superior, Sociedade e Desenvolvimento Teologia do sofrimento Capelania Hispitalar (i) obrigatória uma das disciplinas da área teológica Orientação de Dissertação I /Tese I Orientação de Dissertação II / Tese II Observações: 1 - As disciplinas de formação básica, instrumentais, das linhas de pesquisa e eletivas são disciplinas de 3 créditos (90 h), enquanto que as disciplinas Orientação de Dissertação I e Orientação de Dissertação II correspondem a 4 créditos cada (120h). 2 - Total de créditos exigidos: 36 créditos, correspondentes a 1.800 hora-aula, ou seja, 12 disciplinas de 3 créditos (36 créditos = 1.080 horas-aula) e as duas disciplinas de orientação de dissertação (4 créditos = 120 horas-aula). As 12 disciplinas representam o resultado da soma das 5 disciplinas de formação básica, 3 disciplinas instrumentais, 2 disciplinas da linha de pesquisa e 2 eletivas. 3 - Atividades de Orientação de Dissertação: • Orientação de Dissertação I - elaboração e qualificação do projeto de dissertação Orientação de Dissertação II - execução de pesquisas de campo, seminário de pré-defesa e defesa da dissertação. 4 - Duração do curso: MGPPP está estruturado de modo a ser concluído no prazo de 24 meses, caso não haja aproveitamento de estudos anteriores da Lato Sensu ou especialization, e no caso de doutorado a partir da graduação de Mestrado, contados a partir da data da matrícula do aluno no curso e compreendendo quatro semestres letivos, sendo: a) os dois primeiros semestres para o cumprimento das 12 disciplinas exigidas; b) o terceiro semestre para Orientação I (elaboração e qualificação do projeto de dissertação); e c) o quarto semestre para Orientação II (execução de pesquisas de campo, seminário de pré-defesa e defesa da dissertação). Corpo Docente: Curriculum Lattes CNPQ Dr. Italu Bruno Colares de Oliveira http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4411877H8 Dr. Jose Rossini Campos do Couto Corrêa http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787042T0 Dra. Nara Regina Martins Barros http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K8465690Y7 Dr. José Maria Pinheiro Madeira http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4205551Z3 Dr. Gabriel Cesar Dias Lopes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4600720A8 Dr. Adriano Souza Gelenske http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4424832Y5 TABELA DE VALORES PROGRAMAS MESTRADO E DOUTORADO PARA FUNCIONÁRIOS DA SJC/SC ...............TABELA DE VALORES PROGRAMAS MESTRADO E DOUTORADO PARA FUNCIONÁRIOS DA SJC/SC PROGRAMA DE MESTRADO REGULAR TOTAL DO PROGRAMA SEM CONVÊNIO EM REAL R$ 24.500,00 TOTAL DO PROGRAMA COM CONVENIO E MODALIDADE PARA PAGAMENTO EM REAL R$ 17.040,00 DURAÇÃO DOIS ANOS PARCELAMENTO CONVENIADOS Pagto. Taxa de análise de cadastro/projeto de pesquisa: R$ 2.000,00 (CPD) Pagto. Matrícula: R$ 2.000,00 24parcelas fixas de R$ 460,00 Taxa do TCC : R$ 2.000,00 PROGRAMA DE MESTRADO GESTÃO PÚBLICA E POLÍTICAS PENITENCIÁRIAS COM APROVEITAMENTO DE ESTUDOS E COMPETÊNCIAS ANTERIORES TOTAL DO PROGRAMA SOMENTE PARA CONVENIIADOS R$ 13.560,00 PARCELAMENTO TOTAL DO PROGRAMA SOMENTE PARA CONVENIIADOS R$ 13.560,00 Pagto. Taxa de análise de cadastro/projeto de pesquisa: (CPD)- R$ 2.000,00 DURAÇÃO DE UM ANO Pagto. Matrícula: R$ 2.000,00 12 parcelas fixas de : R$ 630,00 Taxa do TCC: R$ 2.000,00 PROGRAMA DE DOUTORADO EM GESTÃO PÚBLICA E POLÍTICAS PENITENCIÁRIAS- ALUNO REGULAR DURAÇÃO DE 2 A 3 ANOS TOTAL DO PROGRAMA SEM CONVENIO EM REAL R$ 52.159,84 TOTAL DO PROGRAMA COM CONVENIO PARA ALUNOS ORIUNDOS DE MESTRADOS DE OUTRAS IES. R$ 36.511,00 Pagto taxa de análise de cadastro/projeto de pesquisa (CPD): R$ 2.000,00 Pagto. Matrícula: R$ 2.000,00 30 parcelas de R$ 1.017,33 Taxa do TCC: R$ 2.000,00 TOTAL DO PROGRAMA COM CONVENIO PARA EX ALUNOS DE MESTRADO DA EBWU: R$ 16.455,00 PARCELAMENTO TOTAL DO PROGRAMA Pagto taxa de análise de cadastro: R$ 2.000,00 Pagto. Matrícula: R$ 2.000,00 30 parcelas de R$ 348,50 Taxa do TCC: R$ 2.000,00 PROGRAMA DE DOUTORADO EM GESTÃO PÚBLICA E POLÍTICAS PENITENCIÁRIAS COM APROVEITAMENTO DE ESTUDOS E COMPETÊNCIAS ANTERIORES DURAÇÃO 12/18 MESES TOTAL DO PROGRAMA SEM CONVÊNIO EM REAL R$52.159,84 PARCELAMENTO TOTAL DO PROGRAMA R$ 16.454,50 Pagto taxa de análise de cadastro: R$ 2.000,00 Pagto. Matrícula: R$ 2.000,00 24 parcelas de R$ 435,60 Taxa do TCC: R$ 2.000,00 . OPÇÃO VÁLIDA APENAS PARA EX ALUNOS DA EMILL DO MESTRADO Inscrição e documentação: 01) Para os funcionários da SJC/SC, a inscrição deverá ser solicitada via o email : a ser disponibilizado no portal EBWU, para solicitar a análise documental e do projeto junto com o comprovante da taxa de pagamento CPD com deposito em conta que sera disponibilizada no portal EBWU 02) Após parecer técnico, que poderá ocorrer em prazo de até 30 dias, pagamento de matrícula e envio de todos os documentos a EBWU conforme edital disponibilizado no portal 03) DOCUMENTOS SOLICITADOS APÓS DEFERIMENTO DE MATRÍCULA - Ficha do parecer de deferimento do CPD - Cópia do Diploma e histórico da graduação autenticada, outros cursos de houver como MBAs, especializações e de mestrado para egresso no doutorado oriundos de outras IES - Curriculum Vitae; ou curriculum Lattes para docentes que desejam ingressar no mestrado ou doutorado; - Certidão de bons antecedentes no seu país de origem, caso não sejam candidatos residentes nos USA; - Cópia da certidão de nascimento ou casamento (legíveis e sem tarja); - Cópia da Cédula de Identidade ou do passaporte; - 1 (uma) foto 3x4 recente; - 1 (uma) fotocópia de Comprovante de Endereço (água, luz, telefone), -Comprovante do pagamento da taxa de matrícula. OBS. Para funcionários da Secretária de Justiça de Santa Catarina oferecemos 30% de desconto no valor total do programa por meio de convênio assinado com o mesmo órgão. Esse desconto abrange também aos parentes de funcionários no mesmo órgão.

Mestrado em Educação e Saúde Coletiva

R$30.000,00
MESTRADO E DOUTORADO EM EDUCAÇÃO E SAÚDE COLETIVA Coordenador: Dr. Maurício M. Araújo Apresentação: A criação de um Programa de Pós-Graduação: Mestrado e Doutorado em Educação e Saúde Coletiva (MDESC), torna-se um desafio teórico-metodológico de reflexão sobre diferentes aspectos complexos que implicam no confronto e na superação dos problemas públicos que envolvem soluções no âmbito da saúde pública e a erradicação de doenças por meio da educação e estudos que apontem o atual perfil de necessidade para a demanda de campanha pública com o objetivo de profilaxia das doenças infecto contagiosas e seus vetores causadores, envolvendo dicotomias conceituais como: público e privado; legalidade e legitimidade; individual e coletivo; direitos humanos e convívio social. A interdisciplinaridade desta proposta tem como ponto de partida a identificação de um fenômeno amplo e comum a diferentes abordagens disciplinares das Ciências Humanas: a tensão entre as políticas públicas de saúde nas diferentes esferas políticas institucionais e sua necessidade de projetos atuais para essa contribuição junto as secretarias de saúde pública. Pretende-se com esta proposta promover uma interação, um debate mais amplo sobre esse fenômeno. Considera-se assim a necessidade de identificar as interfaces e os gargalos teórico-metodológicos presentes nas diferentes abordagens teóricas aqui contempladas (utilização da educação em rede, teorias organizacionais, iniciação científica... O Mestrado e Doutorado em EDUCAÇÃO E SAÚDE COLETIVA (MDESC)tem como missão o desenvolvimento profissional de servidores públicos dos três Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário), nas três esferas de gestão (Federal, Estadual e Municipal), promovendo espaços para o aprofundamento de estudo, a pesquisa e a com foco ao contínuo e permanente processo de modernização do Estado bem como a Formação Continuada dos trabalhadores e a inclusão da oferta via a atual ferramenta metodológica da Educação em Rede. Objetivos • estimular a gestão intelectual, atuando nas áreas do conhecimento, das competências e das habilidades de forma a oportunizar continuidade no plano de carreira e requalificação profissional; • contribuir com a inclusão acadêmica aos interessados no contínuo processo de aprendizagem; • oportunizar a valorização do servidor público para a boa consecução das políticas públicas, oferecendo à sociedade serviços públicos de qualidade. Área de Concentração A área de concentração do programa oferece aos mestrandos e doutorandos uma formação orientada para a compreensão e o domínio fundamental do complexo universo da formulação das políticas públicas federais e estaduais junto ao sistema de saúde, compreendendo os processos alternativos, o desenho institucional e a gestão. Todas essas dimensões são contempladas pelas linhas de pesquisa desenvolvidas pelos docentes do programa. A área de concentração MDESC, visa desenvolver a capacitação e as competências específicas de uma gestão cujo cotidiano é a mudança. Nesse contexto, a área de concentração está estruturada em duas linhas de pesquisa que focalizam as principais competências empresariais exigidas para uma gestão profissional por excelência. Linhas de Pesquisa: O programa está estruturado em duas linhas de pesquisa interdependentes e que refletem a qualificação acadêmica do corpo docente: 1.Políticas e Gestão em Saúde Nessa linha desenvolvem-se pesquisas utilizando métodos quantitativos e qualitativos na avaliação de programas, atividades, práticas, instrumentos de gestão e de serviços de saúde. Há ênfase nas temáticas da organização do sistema de saúde, do financiamento e do planejamento em saúde em todos os níveis de gestão, além das áreas do envelhecimento saudável e saúde do idoso, da Estratégia de Saúde da Família e da redução das desigualdades em saúde. 2.Análise dos Estudos do processo Saúde- Doenças nas populações Esta linha de investigação tem como objetivo o estudo da ocorrência e distribuição dos agravos, condições e eventos relacionados à saúde em populações específicas assim como dos seus determinantes, contribuindo para a formulação e aprimoramento de estratégias de controle e estabelecimento de prioridades em políticas públicas na área da saúde. 3. Doenças emergentes, reemergentes, aspecto socioculturais, ambientais e epidemiologia. Esta linha aprofunda os estudos na relação saúde e ambiente, doenças emergentes e reemergentes, trajetória das doenças infecciosas no Brasil I no século XX, fatores responsáveis pela emergência e re-emergência das doenças, fatores sociais e políticos e a importância da epidemiologia descritiva. Público Alvo do Programa: O Programa direciona-se, principalmente, a quatro categorias de possíveis interessados: 1. Aos profissionais da administração pública direta e indireta que tenham como objetivo atualizar e aprimorar seus conhecimentos conceituais e instrumentais acerca da análise da saúde coletiva. 2. Aos profissionais do setor privado que, em suas atividades, relacionem-se amplamente com o setor público, tais como os profissionais de setores regulados ou de infraestrutura. Também aqueles que procuram a universidade para compreender melhor os processos dinâmicos da organização socioeconômica em que o Estado atua. 3. Aos docentes e pesquisadores de instituições públicas ou privadas de ensino que queiram desenvolver projetos de pesquisa relacionados ao objeto do curso. 4. Aos alunos provenientes das áreas de Sociais Aplicadas, Humanas, Jurídicas e Tecnológicas que tenham como objetivo desenvolver habilidades de pesquisa interdisciplinar. Competências e habilidades a desenvolver: O Programa objetiva desenvolver em seus mestrandos competências e habilidades para: I. Comprovar e aproveitar os conhecimentos da vivência profissional para por meio de exame de avaliação acadêmica; II. Ter iniciativa, criatividade, determinação e abertura ao aprendizado permanente junto a educação em rede; III. Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com métodos qualitativos na análise de processos em gestão, sociais, políticos e educacionais; IV. Aplicar os conhecimentos seguindo as implicações éticas do exercício da gestão. Estrutura Curricular DISCIPLINAS FORMAÇÃO BÁSICA/ OBRIGATÓRIAS NO MESTRADO E DOUTORADO DISCIPLINAS INSTRUMENTAIS MESTRADO E DOUTORADO Metodologia da Pesquisa Científica Bioética Biossegurança- Epidemiologia das doenças emergentes, reemergentes e negligenciadas Avaliação em Saúde Bioestatística Modelos de atenção primária a saúde Teologia do sofrimento Capelania hospitalar DISCIPLINAS DA LINHA DE PESQUISA MESTRADO/DOUTORADO (i)DISCIPLINAS INSTRUMENTAIS TEOLÓGICAS 1.Políticas e Gestão em Saúde 2.Análise dos Estudos do processo Saúde- Doenças nas populações 3. Doenças emergentes, reemergentes, aspecto socioculturais, eco ambientais e epidemiologia Teologia do sofrimento e Capelania hospitalar. Somos uma instituição cristã que aceita e respeita todos os conhecimentos teológicos religam o ser humano a Deus, e não admitimos nenhuma forma de discriminação. Essas disciplinas são obrigatórias, porém em casos onde o aluno possa comprovar os estudos teológicos realizados por meio de outras instituições teológicas, o mesmo poderá solicitar o aproveitamento dos créditos das disciplinas teológicas por meio de Honório Saber e ou estudos anteriores teológicos por elas certificados. DISCIPLINAS ELETIVASDO MESTRADO/DOUTORADO ORIENTAÇÃO/DISSERTAÇÃO/TESE Planejamento e gestão em saúde Políticas públicas de saúde Sociologia dos direitos fundamentais Gestão de RH na Saúde Métodos de pesquisa em saúde ___________________________________________________ Orientação de Dissertação I /tese I Orientação de Dissertação II/tese II ______________________________________________________ Observações: 1 - As disciplinas de formação básica, instrumentais, das linhas de pesquisa e eletivas são disciplinas de 3 créditos (90 h), enquanto que as disciplinas Orientação de Dissertação I e Orientação de Dissertação II correspondem a 4 créditos cada (120h). 2 - Total de créditos exigidos: 36 créditos, correspondentes a 1.800 hora-aula, ou seja, 12 disciplinas de 3 créditos (36 créditos = 1.080 horas-aula) e as duas disciplinas de orientação de dissertação (4 créditos = 120 horas-aula). As 12 disciplinas representam o resultado da soma das 3 disciplinas de formação básica, 3 disciplinas instrumental, 4 disciplinas da linha de pesquisa e 3 eletivas. 3 - Atividades de Orientação de Dissertação: • Orientação de Dissertação I - elaboração e qualificação do projeto de dissertação Orientação de Dissertação II - execução de pesquisas de campo, seminário de pré-defesa e defesa da dissertação. 4 - Duração do curso: MGPPP está estruturado de modo a ser concluído no prazo de 24 meses e no caso de doutorado a partir da graduação de Mestrado, contados a partir da data da matrícula do aluno no curso e compreendendo quatro semestres letivos, sendo: a) os dois primeiros semestres para o cumprimento das 12 disciplinas exigidas; b) o terceiro semestre para Orientação I (elaboração e qualificação do projeto de dissertação); e c) o quarto semestre para Orientação II (execução de pesquisas de campo, seminário de pré-defesa e defesa da dissertação). Aproveitamento de Crédito anterior no mestrado, será aceito apenas de disciplinas cursadas em mestrado regular no país de origem e ou caso haja aceite do coordenador do curso que poderá conceder crédito em disciplina que por meio de uma avaliação de competências que demonstre o conhecimento do requerente. Nesse caso poderão ser validados apenas duas disciplinas, ou seja, 6 créditos. Corpo Docente: Dr. Italu Bruno Colares de Oliveira http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4411877H8 Dr. Jose Rossini Campos do Couto Corrêa http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787042T0 Dra. Nara Regina Martins Barros http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K8465690Y7 Dr. Mauricio M. Araújo http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4707925T7